Rating: 3.3/5 (4884 votos)




ONLINE
10




Partilhe esta Página

  

 

 

 
 

ENTREVISTAS
ENTREVISTAS

Entrevista

Médico Ortopedista Dr. Jesus Alba Cuadrado

A reportagem do JP entrevistou o médico Ortopedista Dr. Jesus Alba Cuadrado.

“Já fazem mais de 30 anos que escolhi essa profissão e, quando olho para trás, vejo que não poderia ter feito outra escolha”.

“Cultivo e mantenho latente o desejo de participar da vida das pessoas por meio da medicina e desde o primeiro atendimento, até hoje, sempre fiz questão de olhar nos olhos, tocar, sorrir e cuidar de cada paciente de forma humana; única”.

“Confesso que é preciso gostar de gente, estar propenso à ajudar, aconselhar e resolver situações complicadas, a qualquer hora e em favor de qualquer um, quando se escolhe a medicina como profissão”.

“Depois de todos esses anos e de incontáveis atendimentos prestados, reforço os meus votos e afirmo, com toda a certeza do mundo, que meu maior desejo é continuar cuidando das pessoas e de suas famílias”.

Dr. Jesus disse ainda que tem um carinho e amor especial pela população da Estância Turística de Salesópolis a qual teve a oportunidade de ter atendido por alguns anos na Santa Casa de Misericórdia Frederico Ozanan. 


Entrevista

Rubens de Siqueira e sua história de vida

“Cinquenta anos, uma nova época, porém boas lembranças, grandes amizades, vitórias e desafios”.

“Saudades de pessoas que já nos deixaram, falta das estrelas que junto ao Pai fazem Morada, uma família abençoada, assim vai se formando a história na minha vida, sonhos a ser realizado mais nunca deixando se perder o Foco Força e Fé”.

“Cinquenta anos destes posso me lembrar 30 deles meio a jovens crianças que saudade FAMUBM, FAJOCA - FANAB - FASECA , Fanfarras da Escola Helena Ricci, José Carlos Prestes, os grandes concursos de Bandas e Fanfarras e as amizades marcam onde destas alguns permanecem sempre, Osvaldo Braga Marcondes, Débora Abussamra, Matheus Abussamra Marcondes, Camila Abussamra , Dani França, Edmilton Felipe”.

“Lembrar da primeira equipe de futsal feminino Vivian, Giselle Ducca, Miriam Carlo DE Melo, Janaína, Graziela Jungers, Mônica, Michelle Faria Franco, entre muitas que junto a nós veio fazer e partilhar de grandes conquistas”

“Quantos amigos de trabalho eu conquistei nas escolas onde fui inspetor de aluno;, o tempo vai passando e a vida nos afasta por conta do “corre corre” no dia-a-dia, amigos na “grande escola da vida”, na SSVP, na formação de Diáconos Permanentes, Instituto Paulo VI, Catequese, grupo de cântico, ECC e lembrar as empresas que somaram para meu crescimento SAMAVISA, NGK Rinnai, ECT (Empresa de Correios e Telégrafos) onde me encontro atualmente desde 1997”.

“Assim sendo posso agradecer a todos vocês que fizeram parte desta história e aos que continuam a fazer, pois a história ainda não acabou”.

“Obrigado a todos que dispensaram um tempo do dia de hoje para parabenizar pela passagem dos meus 50 anos”.

“E que com as Bênçãos do Senhor de nossas vidas possamos continuar a escrever por muitos e muitos anos a frente”. 


Estância Turística de Salesópolis

Entrevista com a vereadora Sandra Assis

A advogada e vereadora do PMDB Sandra Regina Assis falou a reportagem do Jornal do Povão e disse que “sempre temos que acreditar que as perspectivas para este ano serão as melhores e que não podemos perder as esperanças e eu não acredito que o que deixou de ser feito pela atual administração nos últimos três anos não fará agora que é um ano eleitoral”.

“Vejo uma renovação na nova Mesa da Câmara Municipal sendo que tinha o candidato apoiado pelo prefeito e não era o que queríamos, pois sempre disse que a Câmara teria que ter independência”.

“Uma das funções da Câmara é fiscalizar o prefeito e elaborar Leis e a partir do momento que tem um presidente que tudo se faz depois de consultar o prefeito acredito que a população fica sem representatividade”.

“Por isso que a Câmara é a “Casa do Povo” porque cabem a nós vereadores representá-los e ao prefeito executar e nós aprovamos projetos e fiscalizamos o prefeito”.

“O maior cargo da Câmara que é o presidente e ele já ter um “conchavo” como prefeito fica difícil o povo ter representatividade e acaba de certa forma minando todo o trabalho dos vereadores que é fiscalizar o prefeito”.

“Tínhamos dois candidatos o vereador Sérgio dos Santos que é do meu partido e o vereador Paulo Banespa que era o candidato do prefeito e assim venceu o nosso candidato”.

“O vereador Sérgio assumiu em primeiro de janeiro deste ano e acredito que venha com uma nova roupagem e temos que dar um voto de confiança a ele”.

“Estou assumindo pela primeira vez duas Comissões na Câmara Municipal, Comissão de Redação e Justiça e Comissão de Finanças que são as mais importantes que tem por obrigatoriedade analisar tudo que entra na Câmara Municipal”.

“Então ficarei sabendo de tudo que está acontecendo  na Câmara Municipal e nos últimos três anos fiquei apenas com outras comissões sem grandes relevâncias”.

Sobre possível desunião entre os vereadores na Câmara Municipal da Estância Turística de Salesópolis, a vereadora Sandra Assis disse que “não há nenhuma desunião e da mesma forma de quando o Paulo foi presidente ele colocou os vereadores que o apoiaram agora o vereador Sérgio seguiu da mesma forma”.

Segundo Sandra Assis alguns vereadores não querem assumir comissões porque é trabalho, tem que visitar, escolas, centro de saúde e isso mostra que eles não querem trabalhar e visto que é um ano político esses vereadores preferem fazer política.

Em sua mensagem a população Sandra disse que “temos que acreditar em nossa cidade, em nosso povo e a população precisa acreditar em sí próprio e esperamos uma renovação e queremos fechar o livro que está aberto e abrir um novo com histórias diferentes”.

“Tenho certeza que é possível quebrar paradigmas, quebrar tudo que a cidade vem há décadas sofrendo e o povo pensar e refletir e desde já estou à disposição de todos”.

“Não é fácil se lançar a pré-candidato e para mim é uma missão de tentar fazer algo melhor para a Estância Turística de Salesópolis”.

“Eu sou desse jeito que todos me veem carinhoso e tem alguns que gostam e outros que não, mas tenho vontade de verdade de poder fazer algo de bom para a população desta cidade”, concluiu a vereadora Sandra Regina Assis.


Estância Turística de Salesópolis

Prefeito Rafael fala de seus trabalhos frente ao executivo

O Prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PSD, falou a reportagem do JP e fez um balanço de seus primeiros três anos de governo.

Rafael disse que “desde que assumi em 2013 não tive nenhum ano fácil e é de conhecimento de todos que a prefeitura estava com dívidas, com um orçamento de pouco mais de R$ 30 milhões que fora elaborado pela gestão anterior e R$ 14 milhões em dívidas, sendo que ao longo dos anos quando estávamos conseguimos equilibrar as contas chega essa crise que afetou principalmente as pequenas cidades”.

“Mesmo assim conseguimos organizar a prefeitura e os projetos para uma melhor qualidade de vida para a população e neste ano de 2016 iremos concluir os projetos que planejamos para estes quatro anos”.

“Um exemplo de que estamos trabalhando para o bem estar de nossa população foram as obras do aterrado que desde que assumimos em 2013 estávamos trabalhando para que fosse realizada uma obra de qualidade naquele local”.

“Foi uma obra importante para todos moradores daquela Região que não irão mais precisar andar 15 km para poderem chegar até ao centro da cidade”.

Obras de Infraestrutura

“Também concluímos várias obras de pavimentação na Estância, principalmente no Bairro do Totózinho Cardoso que há anos sofria com a má qualidade do asfalto”.

“Também foi assinado um contrato para a pavimentação de três ruas no Bairro do Jardim Nídia”.

“As obras do DADE que estavam paralisadas serão concluídas até o mês de março e principalmente as obras do Portal irá embelezar a cidade e será liberada a segunda parcela para a conclusão da mesma, que ficará muito bonita me será uma referência para a Estância”.

“Conseguimos também uma verba para a manutenção da Estrada da Petrobrás, e iremos fazer 12 km onde será investido R$ 1,7 milhão para fazer um trabalho de compactação e acabará com os transtornos que os motoristas passam no momento”.

Saúde

“Estamos melhorando a saúde e após a saída dos médicos especialistas em 2013, conseguimos o médico da família, médicos Cubanos, intervimos na Santa Casa e ao contrário de alguns municípios que fecharam suas Santas Casas, nós mantivemos o atendimento diário de mais de duzentos pacientes e iremos trazer mais médicos”.

“Distribuímos mais de dois milhões de medicamentos e sabemos que falta muito para poder atender a demanda da população, mas também falta contrapartida dos governos Estadual e Federal”.

“Iremos manter um padrão necessário para a saúde e iremos melhorar o atendimento a população”.

 “No Distrito Nossa Senhora dos Remédios estamos ampliando o Centro de Saúde e equipando para o melhor atendimento a população”. “Conseguimos mais ambulância e nossa frota foi renovada”.

“Hoje investimos 30% do orçamento na Saúde, ou seja, o dobro do que é recomendado e estamos trabalhando para conseguirmos verbas de custeio e estamos solicitando os R$ 2 milhões que irá alavancar a saúde na Estância Turística de Salesópolis que já foi aprovado pela Diretoria Regional de Saúde”.

“Estamos fazendo para a Saúde mais do que é possível com o recurso que temos, pois os governos não repassam os valores que realmente necessitamos para um bom atendimento a população”, concluiu o prefeito Rafael.


Paulo César Monteiro

Subprefeito do Distrito fala a reportagem do JP

O subprefeito do Distrito Nossa Senhora dos Remédios Paulo César Monteiro “Mineiro” concedeu entrevista a Reportagem do Jornal do Povão e falou de seus trabalhos realizados junto a comunidade.

CLIQUE E VEJA MAIS TV POVÃO DE SALESÓPOLIS


Padre Edinei fala a reportagem do Jornal do Povão

O Padre Edinei Maia dos Santos, de Biritiba Mirim recebeu nossa reportagem e falou dos trabalhos da reforma da Igreja Matriz de São Benedito e ressaltou a importância da colaboração de todos os católicos para conclusão das obras.

“Graças a Deus as obras da Igreja estão indo muito bem e o povo Biritibano é muito bom, católico que ama a sua fé e tem colaborado com a reforma da igreja Matriz de São Benedito”.

“Estamos na fase de acabamento das obras e estão sendo realizadas algumas adequações nas salas de atendimentos e para guardar os arquivos da Paróquia”.

“Tivemos a alegria de poder estar instalando dois Vitrais para que o povo possa saber como ficará a Igreja após a sua conclusão”.

“Iremos iniciar a colocar gesso nas paredes da igreja e esperamos poder estar celebrando a Semana Santa na nova Igreja de São Benedito”, concluiu Padre Edinei.

Em sua mensagem de Natal, Padre Edinei agradeceu a Equipe do Jornal do Povão e desejou a todos os Biritibanos um Feliz Natal e Próspero Ano Novo.


Entrevista

Prefeito Rafael fala sobre parecer do TC

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PSD, falou a nossa reportagem sobre o parecer desfavorável do Tribunal de Contas referente ao ano de 2013.

Rafael disse que “é de conhecimento de todos que quando assumimos a administração em 2013 o município estava endividado com mais de R$ 14 milhões e as contas foram reprovadas pelo não pagamento de precatórios”.

“Mas nenhuma prefeitura pagou precatórios no ano de 2013, era um dinheiro de desapropriação que não era prioridade, infelizmente o Tribunal de Contas fez um parecer fria e calculista e não analisa a situação do município e nem a situação social, mas apenas papel”.

“E quem teria a obrigação de analisar as contas se houve algo errado, se teve algum prejuízo ou improbidade teria que ser a Câmara Municipal, que faz o julgamento político”.

“Se for um julgamento político com consciência de como “pegamos” o município em 2013 e administramos naquele ano, tenho confiança que a Câmara irá aprovar as contas, porque o TC dá o parecer e quem irá julgar será a Câmara dos Vereadores”.

“Irei preparar a minha defesa e o único erro nosso foi não pagar os precatórios porque não tínhamos dinheiro e agora em 2015 a Estância Turística de Salesópolis foi um dos poucos municípios que pagaram seus precatórios, o ex-prefeito Antônio Adilson de Morais não pagou uma parcela do Portal e outros e eu quitei todos os precatórios e não devemos mais nada”.

“Tenho plena convicção de que se a Câmara fizer um julgamento político ético irá aprovar minhas contas que não há nenhum dolo e nem improbidade”.

“Temos que ter prioridade no pagamento das contas da prefeitura”, se referindo a ordem dos pagamentos que foram realizados no ano de 2013, concluiu o prefeito Rafael. 


Estância Turística de Salesópolis

Prefeito Rafael fala sobre a aprovação da Lei Específica

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PSD, falou a reportagem do Jornaldo Povão sobre a aprovação da Lei Específica ocorrida na tarde de terça-feira, 8 de setembro e ressaltou a importância para os moradores da cidade de Salesópolis.i

“A aprovação da Lei Específica é o resultado de uma luta de anos que mostra o empenho da Administração Municipal e de minha equipe, que realiazou um trabalho árduo para chegar nesta Lei, que em minha opinião será o começo de uma nova Emancipação da Estância Turística de Salesópolis”.

“A Lei Específica irá “destravar” todo o processo de crescimento da Estância que estava impedida de acontecer, a economia vai melhorar e principalmente irá incentivar as novas contruções, pois hoje não se pode reformar ou ampliar residências e muito mesnos construir e está muito difícil”.

“A nossa cidade como Estância Turística irá melhorar muito dentro dos parâmetros legais da prioridade que é proteger os mananciais, pois Salesópolis é um município “produtor de água” e irá continuar sendo, preservando rios e nascentes, mas podemos crescer e desenvolver, regularizar as propriedades, retirar escrituras, fazer ampliações, instalar comércios e trazer pequenas indústrias, é um momento oportuno e estou feliz com todos os acontecimentos”.

“As nossas prioridades e metas estão sendo cumpridas com a aprovação da Lei Específica, obras no Aterrado e Prolop, mais obras de infraestrutura, e estou dando uma resposta para a oposição que não acreditava em nosso trabalho, que tudo aquilo que se criticava está acontecendo, essa Lei Específica que é um marco para nossa Região e principalmente para a Estância Turística de Salesópolis”.

“Foi um empenho pessoal meu e principalmente de minha equipe que trabalharam e que se engajaram nesse processo, ou seja, não é uma Lei apenas para Salesópolis, mas que atinge dez munícipios e principalmente Salesópolis, Biritiba Mirim, Mogi das Cruzes e Suzano”.

“Quem “abraçou” essa Lei que foi a audiências, Conselho Estadual de Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Metropolitano, e audiências na Assembleia Legislativa foi Salesópolis e hoje temos o mérito de ser o “pai da Lei Específica” do Alto Tietê e cabeceiras  pelo trabalho que foi feito, pelo nosso empenho, elaboração da minuta da Lei e técnicos, pois é uma luta de mais de dez anos, pelos presidentes do Sub Comitê de Bacia e graças a Deus hoje em minha gestão como presidente do Comite da Bacia Hidrográfica, acontecer a aprovação da Lei Específica é uma gratificação muito grande e pessoal do dever cumprido, dever de cidadão e gestor desta cidade e ver que estamos no caminho certo”.

“Agora mais do que nunca Salesópolis precisa dar continuidade para implantar a Lei, e assim que for sancionado o Comite presidido por mim irá trabalhar pela regulamentação da Lei a fim que tenha a aplicação imediata”.

“Estamos trabalhando na implantação da Comarca na Estância Turística de Salesópolis que é fundamental, visto que teremos um Cartório de Registro de Imóveis, o que é uma conquista para nossa cidade”.

“Vamos preparar a Estância Turística de Salesópolis para o futuro isso é nossa obrigação como gestor”.

“Avançamos cem anos e não podemos retroceder mais dez anos, já perdemos muito tempo e a Estância Turística de Salesópolis precisa de gestores qualificados não de aventureiros”, concluiu o prefeito Rafael.


Conjuntura política para Salesópolis

A reportagem do Jornal do Povão da Estância Turística de Salesópolis conversou com o prefeito Benedito Rafael da Silva, PSD, que falou sobre o atual momento pela qual passa sua administração.

“Estamos passando por um momento difícil com a crise econômica do Brasil e na Estância Turística de Salesópolis não está sendo nada diferente”.

“Assumimos a prefeitura com uma dívida de R$ 14 milhões e uma queda brusca na arrecadação, estamos fazendo o melhor para que não se atrase o pagamento dos funcionários e isso é considerado por nós uma grande vitória”.

“A crise está apenas começando, segundo os especialistas e estamos mantendo os serviços básicos a população como saúde, coleta de lixo, iluminação pública e está difícil não somente para Salesópolis, mas para todo o país”.

“Tem vereador pedindo obras que não são urgentes e isso sem contar que tem vereador que ataca órgãos públicos e principalmente a Santa Casa que é um órgão respeitado tem funcionários dedicados que trabalham para mantê-la aberta, ganhando um salário baixo e dizer que tem roubalheira é uma insanidade”.

“As pessoas ao invés de ajudar a Santa Casa ficam atrapalhando e acusar as pessoas que estão ajudando e dizer que é tapa buraco, digo mais uma vez que nunca houve roubalheira ou desvio de dinheiro”.

“Eu acho que os funcionários deveriam fazer uma Moção de Repúdio e irem a Justiça para que esse vereador que fez essas denúncias provar o que ele está falando”.

“O que esse vereador faz é trazer prejuízo para a população de Salesópolis, quer prejudicar o prefeito prejudique fale do Rafael, mas não do município, da administração ou da Santa Casa, pois ele não é digno de ser um vereador para representar a população”.

“O vereador digno faz oposição e não calunia barata de funcionários com o intuito de denegrir a imagem da administração”.

“A Santa Casa precisa de doação e da participação da população e os empresários precisam entender que necessitam ajuda-la como acontece em várias cidades”.

“As pessoas de bem não estão enxergando a Santa Casa como importante unidade medica que a cidade precisa ter a também a nossa família, pois a pessoa pode ter o melhor plano de saúde, mas o primeiro atendimento quando a pessoa passa mal é realizada em Salesópolis”.

“Ninguém quer ajudar a Santa Casa, e na semana passada marquei uma reunião com dezessete empresários da Estância Turística de Salesópolis para sexta-feira às 18:00 e infelizmente não compareceu ninguém”.

“As Santas Casas estão fechando, e para que todos tenham uma ideia da atual situação da saúde em nossa Região o Hospital Santana de Mogi das Cruzes fechou a Maternidade e o Hospital Ipiranga pode fechar também sua Maternidade”.

“É preciso que os políticos da Estância Turística de Salesópolis tenham o mínimo de responsabilidade na hora de fazer oposição e não jogar contra a cidade, mas que jogue contra o prefeito Rafael, estão denegrindo a imagem da cidade sujando a uma entidade como a Santa Casa, reivindicando o que não é prioritário”.

“Neste final de ano iremos fazer o que é de suma importância para a cidade para garantir os funcionários da cidade, Santa Casa e Educação com qualidade, pois essa é nossa obrigação”.

“Estrada é prioridade, mas não adianta passar a máquina nas estradas deixando em perfeitas condições e a pessoa passa com trator e deixa novamente em péssimas condições e neste caso os vereadores devem fiscalizar também quem está destruindo as mesmas”.

“Estou trabalhando 18 horas por dia para trazer recursos para a cidade com obras de infraestrutura, asfaltando ruas e com asfalto de qualidade”.

Rua Sebastião Soares Leite

“É um loteamento irregular com Ação Civil Pública proibida de ter intervenção pelo Poder Público, como todas as áreas que sofrem Ação Civil Pública, loteamento embargado e a prefeitura são Co-réu e se fizermos algo naquela via a prefeitura se torna Réu”.

“Não vamos mentir para a população, pois outras vias estão na mesma condição, e não podemos fazer nada para sanar os problemas no momento”.

“Alguns políticos querem enganar a população e jogar contra o prefeito e tem uma frase famosa para esses políticos: Você pode enganar muitas pessoas durante muito tempo, algumas pessoas durante algum tempo, mas não pode enganar a todos ao mesmo tempo, pois não vivemos no mundo das enganações, das denúncias e da calúnia e isso é fomentado por alguns vereadores”.

“Temos vereadores responsáveis e está chegando a hora das pessoas saberem quem é quem”.

“Vai “cair do cavalo” aquele que aposta no caos, no quanto pior melhor, pois a população da Estância Turística de Salesópolis terá uma surpresa agradável como nunca tiveram nestes 178 anos da fundação do município e todos irão ganhar um presente muito grande”.

PROLOP

“Não se assustem com as intimações que estão recebendo, pois se trata de um rito Protocolar do Processo, pois temos um prazo para alertar os moradores para que não sejam multados”.

“Entramos com duas ações uma de Impugnação na Vara Distrital e outra com Agravo de Instrumento no Tribunal de Justiça e além da defesa no processo estamos fazendo a defesa oral, assim iremos conversar com todos os Magistrados”.

“Estamos pedindo a sensibilidade da Justiça e sentimos que estão todos com senso de justiça preocupados com a questão social”.

“Esperamos que tenhamos um resultado favorável para a solução do PROLOP e conversamos também com alguns deputados sobre a Lei Específica e esperamos que no meio do mês de setembro seja aprovada”.

Mensagem a população da Estância Turística de Salesópolis

“Se fala muito em final de mandato, mas estamos ainda a um ano e meio de governo e temos muito o que fazer”.

“Perdemos um ano “ajeitando a casa” no ano seguinte, planejando e agora executando e temos um ano e meio para a cidade ganhar um presente que nunca se viu”.

“Meus adversários tem o direito de criticar, pois estamos em uma democracia, mas que sejam éticos em suas palavras, e deixo o seguinte recado a todos”: “Estou aqui porque tenho um compromisso com a população e um legado que irei deixar e eu aposto no meu sucesso, aposto na minha vitória e no reconhecimento da população no final de meu mandato”.

“Com humildade, paciência, tolerância e sem covardia chegaremos lá”, concluiu o prefeito Rafael.


Estância Turística de Salesópolis

Jogos Regionais em Taubaté

A Reportagem do Jornal do Povão procurou o Diretor de Esportes da Estância Turística de Salesópolis Paulo César Monteiro para falar sobre as inscrições dos Atletas do Taekwondo que estariam representando nossa cidade nos Jogos Regionais que serão realizados na cidade de Taubaté no Vale do Paraíba.

Monteiro disse que “as inscrições dos atletas foram feitas e se houve algum equívoco ou algum erro não foi por parte da prefeitura e muito menos pela Diretoria de Esporte”.

“Cumprimos com nossa obrigação, preparamos as documentações necessárias, o prefeito Rafael assinou e foi entregue em mãos do Mestre Marcelo”.

“Se expirou o prazo para a entrega dos documentos não cabe mais a nós, pois o pedido solicitando através do vereador Cristian Luiz Candelária, PV, Kiki,  fizemos tudo que estava dentro de nossas possibilidades”.

“Estamos com a consciência tranquila, porque cumprimos com nossos trabalhos e obrigações, e em momento algum deixamos de prestar auxílio quando fomos procurados, se o atraso para a entrega da documentação ocorreu não cabe a prefeitura e sim ao Mestre Marcelo que deveria ter feito todo esse procedimento”.

“A Diretoria de Esporte foi pedido apenas que as inscrições fossem efetuadas, nada mais”, concluiu o Diretor de Esporte Monteiro.


Rone fala do asfalto no Bairro do Totózinho Cardoso

Rone Presidente da Associação do Bairro do Totózinho Cardoso e o prefeito Rafael

O Presidente da Associação dos Moradores do Bairro do Totózinho Cardoso, Ronaldo Donizete Maia “Rone” falou a nossa reportagem sobre a chegada do asfalto no Bairro que irá melhorar a qualidade de vida de todos os moradores.

“Foi uma grande espera e uma luta para nós moradores desta rua como os demais que residem em outras vias que também precisam serem melhoradas”.

“Acredito que algumas ainda não serão contempladas com asfalto, mas iremos lutar para melhorar cada vez mais o Bairro do Totózinho Cardoso”.

“Não só ganha os moradores do Bairro como a cidade em um todo e os turistas que vem nos visitar também tem uma boa impressão da Estância Turística de Salesópolis”.

“A partir de agora fica mais fácil visto que com o início das melhorias os problemas irão diminuindo e irá criar mais união entre Bairro e Prefeitura que está concluindo as obras que estavam em atraso, agora fica poucas ruas para serem concluídas”.

Em sua mensagem aos moradores Rone disse “que os moradores do Bairro do Totózinho Cardoso estiveram sempre unidos realizando reuniões e sempre cobrando respostas das autoridades”.

“Como divulgamos o atraso das obras hoje estamos mostrando as melhorias no Bairro e quero ressaltar que não somos oposição e sim queremos mostrar a realidade do Bairro”.

“Não queremos o mal do Bairro e muito menos da Estância Turística de Salesópolis”.

“O importante será a colocação de lombadas visto que com o asfalto novo há o problema com o excesso de velocidade”, concluiu Rone satisfeito com os trabalhos que estão sendo realizados no Bairro do Totózinho Cardoso.


Prefeito Rafael fala sobre o PROLOP

Lei Específica: Salesópolis aguarda aprovação da Lei para seu desenvolvimento

A reportagem do Jornal do Povão procurou o prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, para que pudéssemos assim levar até a população a verdadeira situação do PROLOP (Programa de Loteamento Popular) localizado no Bairro do Fartura.

O prefeito Rafael disse que “foi um loteamento irregular feito pela municipalidade, descumprindo a Lei dos Mananciais que foi aprovado pela Câmara dos Vereadores na época e mesmo sabendo que não era um loteamento regular”.

“Acarretou-se então uma denúncia e houve o embargo do loteamento começando assim um Processo Judicial”.

“O primeiro erro foi realizar o loteamento e durante do governo do ex-prefeito Quico a ação foi transitado em julgado, não sendo feita a defesa da Ação Civil Pública, ou seja, não te mais recurso, tem que se cumprir a sentença”.

“E mesmo durante o meu primeiro mandato entre 2005 e 2008 não tinha como recorrer, mas sim poder protelar a sentença e entramos com recursos”.

“A pessoa tem direito a moradia e ninguém tem culpa de estar naquele local, não tem culpa da municipalidade não ter recorrido no temo correto”.

“O PROLOP está em uma área de mananciais e para eu removê-los como irei fazer se a Estância Turística de Salesópolis é 98% Protegida”.

“Hoje não há uma Lei que permita uma habitação de interesse social e nossa defesa é marcar uma audiência com o Desembargador e Governador para que tenham sensibilidade com a população”.

“A Lei Específica está na Assembleia e aprovada irá permitir habitação de interesse social, então poderemos realizar a construção de casas populares”.

“Com a Lei Específica poderei desapropriar uma área e trabalhar com a CDHU construir as casas que as pessoas precisam e relocarem todos”.

“Há solução, mas queremos um prazo legal para dar uma atenção social às famílias, pois temos propostas e ter como resolver para que todos saiam e tenham uma moradia digna”.

"Estarei em São Paulo falando com o Deputado Estevam Galvão que irá nos ajudar a conseguir um caminho que seja melhor para todos os moradores".

“Ninguém tem que pagar as contas de um erro administrativo público, erro público do passado”, concluiu o prefeito Rafael.


Entrevista com o vereador Claudinei José de Oliveira

O vereador Claudinei José de Oliveira, Nei do Zé do Anízio, falou a reportagem do Jornal do Povão e agradeceu ao Governador Geraldo Alckmin em audiência da assinatura do encaminhamento da Lei Específica ocorrida em 16 de junho no Palácio do Governo e pelo empenho do prefeito Benedito Rafael da Silva durante esses anos.

Nei foi convidado em 3 de junho de 2013 para uma audiência na Assembleia Legislativa de São Paulo, juntamente com deputados, governo e órgão estadual onde pode fazer ponderações da realidade e o principalmente a situação em que se encontra a população devido ao “engessamento” que a Lei Ambiental está trazendo ao povo da Estância Turística de Salesópolis e também aos moradores de Biritiba Mirim.

Nei ressaltou ainda que “não podemos deixar de agradecer ao prefeito Benedito Rafael da Silva que por muitas vezes ficou distante da cidade para trabalhar e ajudar na construção desta legislação que vai de uma vez por todas trazer o verdadeiro direito a moradia, pois uma lei municipal não tem esse poder e força para contrariar uma Lei seja ela estadual ou federal”.

“O prefeito Rafael e sua equipe da Secretaria de Desenvolvimento e Diretoria de Meio Ambiente tem muito a festejar, pois construíram uma legislação moderna e viável para atender as necessidades da Estância Turística de Salesópolis e de todo o Alto Tietê junto ao Subcomitê de Bacias”.

“Essa é a missão de um prefeito, de técnicos em suas respectivas áreas, buscando soluções e fazendo gestão para a melhor qualidade de vida de sua população e do desenvolvimento da cidade”.

“A Lei Específica que muitos falaram e até não acreditavam na sua concretização, deu reconhecimento ao Prefeito Benedito Rafael da Silva, tanto que o levou ao cardo de Presidente do Comitê de Bacias do Estado e esse reconhecimento foi conquistado pela sua luta e trabalho dentro do Subcomitê, órgão abaixo do Comitê o qual preside hoje sem precisar de radicalismo ambiental e destruição da natureza para atender os interesses sociais locais e regionais”.

“Acredito que a partir de agora o prefeito Rafael irá ter mais tempo para tratar de perto as situações da Estância Turística de Salesópolis, como saúde, estradas rurais, educação entre outros e acima de tudo o atendimento à populução, já que sua grande missão de buscar meios legais para atender  a moradia, liberdade de nosso povo para ter um teto e residir com dignidade, acredito que através de seu trabalho incansável foi conquistado, dependo agora apenas da aprovação final dos nossos deputados estaduais”.

“Na Câmara Municipal com o apoio da mesa e dos demais vereadores, tive meus documentos aprovados e enviados aos inúmeros deputados na Assembléia Legislativa, pedindo a máxima urgência na análise e aprovação, sendo que com alguns deputados tive a oportunidade de conversar pessoalmente”.

“Acredito que o nosso futuro será melhor com a aprovação da Lei Específica” concluiu o vereador Claudinei José de Oliveira, Nei do Zé do Anízio.


Acessibilidade

Prefeitura está implantando melhorias em toda a cidade

Portal Artístico passa por reformas que irão melhorar a qualidade no atendimento ao turista

O prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, durante entrevista ao JP falou sobre a acessibilidade na Estância Turística de Salesópolis e seus trabalhos para melhorar a mobilidade de todos.

“Na gestão 2005/2008 já implantei acessibilidade nas calçadas no centro da cidade para melhorar o acesso das pessoas com cadeiras de rodas”.

“Em alguns casos os postes de iluminação chegam a atrapalhar essa acessibilidade e mesmo assim todos os acessos às calçada possuem acesso para cadeirantes”.

“O Governo do Estado de São Paulo está implementando uma Lei para que todas as placas de obras  tenham os seguintes dizeres: “Esta obra tem acessibilidade”, é uma prioridade do governo”.

“É importante a Câmara Municipal de Salesópolis lembrar que quando eu querida colocar um elevador no Portal era para que essas pessoas tivessem direito a acessibilidade, que qualquer acesso público precisa ter”.

“Seria um pequeno elevador com baixo custo que iria ajudar muitas pessoas, e para que todos pudessem apreciar melhor a cidade do Portal, mas infelizmente se criou uma polêmica maior ainda sobre o projeto”.

“Acessibilidade é para todos os espaços públicos, e nossas obras são projetadas primeiramente com acessibilidade”.

“Hoje a cidade não precisa de um plano de mobilidade urbana, mas sim permitir a acessibilidade em todos os espaços e precisamos estar sempre conscientes”.

“Na questão da obra de reforma do Portal o investimento com elevador para acessibilidade seria de R$ 60 mil reais a mais no valor que será aplicado em toda a obra, mas infelizmente se criou uma polêmica sobre o assunto e inutilizamos uma área que serviria aos turistas poderem ter uma vista panorâmica da Estância”, concluiu o prefeito Rafael.


Prefeito Rafael falou sobre política, crise hídrica e obras de

infraestrutura na cidade e pela primeira vez se manifesta

sobre a saída do vice-prefeito

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, falou a Reportagem do Jornal do Povão e entre crise hídrica e obras que estão sendo realizada na cidade falou também sobre a saída do vice-prefeito de sua administração.

Crise Hídrica 

“Estamos com uma demanda reprimida e a população precisa se conscientizar que as reservas estão baixas, mas temos capacidade de manter e administrar e estamos tomando providências, visto que a Sabesp está concluindo obras emergenciais que irá trazer mais água para o Sistema”.

“Está sendo enviada água da Represa Bilings para Taiaçupeba o que vai ajudar, e bombeando do Guaratuba o que significa 5 metros cúbicos de água que chega a mais e o que irá ajudar”.

“As reservas estão compatíveis com a necessidade do período de seca e não há o que se preocupar neste momento e a população precisa economizar se conscientizar”.

“Precisamos que a população e agricultores economizem pois o abastecimento público é a prioridade, será muito grave, mas o produtor precisa irrigar o mínimo possível e inclusive há algumas produções em área de morro o que consome muito mais água”.

“A oferta de água está controlada e iremos passar este período de poucas chuvas e esperamos que as chuvas cheguem ao momento certo, visto que o ano passado houve atraso nas chuvas”.

“Iremos à próxima reunião do Comitê de Bacia cobrar da Sabesp os investimentos e cronograma de obras, para que se cumpra e já contratamos um Plano Diretor de Proteção Ambiental de Bacia”.

Obras na Estância

“Há várias obras de pavimentação em andamento no Bairro do Jardim Bela Vista, Bairro do Totózinho Cardoso com drenagens, ou seja uma obra muito bem elaborada, onde faremos um asfalto com qualidade”.

“Também será asfaltada trecho da Avenida Victor Wuo que dá acesso a Usina; outro trecho na subida da Estrada da Barra também será asfaltada para dar melhores condições aos usuários e a obra do Portal”.

“Uma cidade turística precisa ter um atrativo para chamar a atenção de seus visitantes e obra do Portal é uma obra muito maior que engloba a reforma e adequação além de calçamento, paisagismo, iluminação da entrada da cidade, com espelhos d’água”.

“Estamos preparando ainda a licitação para a reurbanização da “Avenida Nova” que terá parque, academia ao ar livre, parque infantil, pista para caminhada, lanchonete, banheiro que irá deixar o local agradável a todos”.

Creche Escola

Quanto a construção da Creche Escola no Bairro do Fartura o prefeito Rafael disse que sua administração não deixou perder o prazo.

“Estamos perdendo a verba de R$ 1,6 mi porque a Juíza não autoriza, visto que a gestão anterior fez um projeto em um terreno particular, e o mesmo não era desapropriado”.

“Negociamos a aquisição do terreno com o proprietário e a Justiça embargou, exigindo um depósito a vista, o que não há condições de fazer”.

“O proprietário tem uma dívida com a prefeitura e seria feita a troca com o terreno, mas a Justiça não permitiu e o que fará perder a obra será a Justiça e não a prefeitura”.

“Temos até dezembro deste ano para resolver a questão e estamos aguardando chegar recursos para podermos resolver esta questão de desapropriação”.

Política

“Há a possibilidade do prefeito Benedito Rafael da Silva, que hoje se encontra no PR, trocar de partido e não é nada pessoal contra os deputados André e Márcio Alvino que acima de tudo tem um compromisso com a cidade, mas não concordo com a estratégia política que está sendo montada por ambos”.

“Sou o prefeito estou colocando a cidade nos “eixos” legalizando a Estância e tenho interesse na reeleição e ai o vice-prefeito atravessando fazendo um trabalho de desorganização na cidade, desmoralização da administração e isso eu não aceito que seja usado o partido para desmoralizar minha administração”.

“O que está sendo feito é isso desmoralizando a minha administração, o que o vice-prefeito está tentando fazer”.

Leilão realizado pela prefeitura

“Eu nunca falei que todo o dinheiro do leilão seria usado para exames clínicos e sim uma parte para melhorar e foi feito, só que a minha prioridade número um chama-se folha de pagamento dos funcionários, visto que são 500 famílias que trabalham para a prefeitura e não podem ficar sem receber seus salários e até hoje nunca atrasei o pagamento do funcionalismo”.

“E o dinheiro do leilão foi usado para pagar folha de pagamento, poderíamos gastar comprando trator e outras máquinas, usar na saúde e deixar o funcionário sem pagamento”.

“Quem prioriza o uso do dinheiro público é o prefeito e é uma irresponsabilidade do vice-prefeito dizer que saiu por causa disso e sim por interesse eleitoreiro”.

“Os exames foram contratados, avançamos e hoje estamos melhorando para zerar os exames e é uma total irresponsabilidade do vice-prefeito querer atravessar”.

“É um vice-prefeito que usa da máquina administrativa sem responsabilidade, marcando exames e atravessando na frente de outros pacientes, é uma conversa que não aceito no partido e não estou confortável com essas atitudes”, concluiu o prefeito Rafael.


Vereador Kiki parabeniza Policiais Civis

O vereador Cristian Luiz Candelária, PV “Kiki” durante entrevista a Reportagem do Jornal do Povão na tarde de terça-feira, 9 de junho parabenizou os Policiais Civis da Estância Turística de Salesópolis que tiveram êxito em localizar os familiares de Nicodemos da Silva que estava há dias andando pelas ruas da cidade.

“Hoje estou muito feliz em relação a Polícia Civil da Estância Turística de Salesópolis, visto que já fizemos várias reuniões pedindo a relação dos serviços prestados na cidade”.

“E vimos que estão todos sempre empenhados em buscar solução para todos os casos apresentados na Delegacia de Polícia e eu como já trabalhei como Policial Militar vejo todo o empenho dos Policiais Civis”.

“Quero ressaltar também as operações que a Polícia Civil vem realizando na Estância Turística de Salesópolis principalmente na chamada “Avenida Nova” abordando as pessoas com respeito e educação e perguntando se eram ou não moradores do município”.

“O que ocorreu com esse senhor que estava em nossa cidade (Nicodemos da Silva) vem de encontro a mostrar que a Polícia Civil está preocupada não somente em prender infratores, mas em ajudar e prestar assistência à família quando necessário”, concluiu o vereador Kiki.


Estância Turística de Salesópolis

Prefeito Rafael fala do “rompimento” do vice-prefeito

Durante entrevista a reportagem do JP o prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, disse que “primeiramente me causou surpresa pela forma e conteúdo, sendo ele uma pessoa que participava ativamente da administração, trabalhando no Setor de Obras e com uma sala na Sede da Prefeitura”.

“Mais do que qualquer outra pessoa ele sabe dos trabalhos que estão sendo realizados, e das dificuldades do município, de nossa realidade e das poucas alternativas que temos para desenvolver nossos trabalhos”.

“Se ele não compactua com a forma que estamos conduzindo a cidade, será que queria que fizéssemos alguma irregularidade, pois estamos trabalhando dentro dos parâmetros legais”.

“Hoje a prefeitura arrecada quase que para pagar os funcionários e não consegue deixar as contas em dia, não sobra para investimentos, pois não vieram recursos que esperávamos, estamos trabalhando para trazer recursos de custeio para saúde, mas infelizmente nada chegou, até o momento”.

“É um direito do vice-prefeito, mas ele está fugindo da realidade, falando inverdades, porque falha na forma de governar não existiu, não tínhamos recursos, e como vamos governar um município falido e com muitas dívidas”.

“Não existem promessas falsas, e não existe almoço grátis”.

“Acho que ele está querendo fazer companhia e coro com a vereadora Sandra Paranormal e com o vereador Pepito Lélis da novela Câmara Baixo Astral”.

“Estamos governando para que a Estância Turística de Salesópolis almeje o caminho do progresso, estamos trabalhando e dedicando nosso esforço e energia para a aprovação da Lei Específica, que será um grande avanço para a cidade, cuidamos da parte legal, da Legislação e parte burocrática para deixar o município dentro dos eixos, para caminhar”.

“Trabalhamos para que a produção do carvão voltasse à ativa em nosso município e na hora de legalizar a maioria dos proprietários não tem a Matrícula do terreno para o licenciamento”.

“Estamos trabalhando para que a CETESB modifique a forma da documentação e procuramos no dia-a-dia fazer o que é possível para atender a todos”.

“Estamos trabalhando para que empresas venham para o nosso município e em breve termos novidades”.

“Não venham com oportunismo político, passam uma realidade que não é nossa e o povo acha que tudo é fácil, conduzir saúde, obras, educação, limpeza pública  uma infinidade de obrigações que temos que cumprir”.

“Temos quase quinhentos funcionários entre médicos, professores, e tantos outros profissionais que trabalham no dia-a-dia servindo a população com dedicação e uma corja de aproveitadores e oportunistas vivem dizendo que a Prefeitura não faz nada”.

“A Santa Casa de Salesópolis hoje conta com dois médicos durante o dia e um plantonista à noite, uma ambulância nova; conseguimos desinterditar  a Santa Casa na Vigilância Sanitária para que voltasse às internações  e atendemos melhor que os municípios vizinhos e temos dezenas de depoimentos a esse respeito”.

“A Saúde está difícil no país inteiro e aqui não foge  a regra”. “Perguntem ao competente Dr. Humberto ou ao Marcos Cáfaro na  Santa Casa, quantos pacientes vêm de Biritiba para serem atendidos na Estância Turística de Salesópolis”.

“Perguntem aos vereadores e políticos oportunistas e que só criticam qual é a verba que seus deputados trouxeram para o custeio da Saúde”.

“Se a cidade está suja quem estava trabalhando no Setor de Obras era o vice-prefeito, e se quer fazer alguma melhoria para a cidade é questão de fazer um mutirão com toda mão-de-obra e equipamentos que temos”.

“Falta criatividade para trabalhar, e se vai procurar outros caminhos está no direito dele (vice-prefeito), mas que não venha falar inverdades”.

Candidato à reeleição em 2016

“Sou candidato à reeleição por dois motivos: tenho certeza que daqui a um ano e meio deixo a cidade estará pronta para avançar, Lei Específica aprovada, com obras de infraestrutura, dívida reduzida, em condição melhor que encontrei”.

“Tenho certeza que consolidarei meus trabalhos e projetos e não serei covarde ou o povo me aprova ou reprova; não dizer que eu fugi da situação, se o povo achar que fui bom eu continuarei meus trabalhos”.

“Uma coisa tenho certeza desses que estão aí”: “Coitado de nossa cidade”. “Irá para o brejo de novo, como aconteceu na gestão passada”.

“Sei dos trabalhos que estamos realizando do caminho que estamos trilhando para melhorar a Estância Turística de Salesópolis”.

“Cabe à população dizer sim ou não e esperamos que não caiam em armadilhas de demagogos e oportunistas, que não entrem em conversas, pois tem pré-candidatos que não fazem nada para cidade, não apresentam nenhum projeto, e não fazem nada de bem para a população”.

“Estamos fazendo o melhor para a população, vamos melhorar a saúde, estamos junto com o Conselho Municipal de Saúde para definir metas, pois nosso orçamento é limitado, estamos buscando esses recursos, pois fica difícil trabalhar quando perdemos médicos (caso dos especialistas do Estado que atendiam em Salesópolis e foram remanejados)”.

“Estamos priorizando a implantação do Programa Estratégia Saúde da Família e será um ganho para a população, trabalhando com a saúde preventiva atendendo as pessoas em suas casas, é uma meta nossa para este ano”.

“Ao vice-prefeito que ele reflita bem as atitudes tomadas”.

“As adversidades são úteis para testar a sinceridade dos nossos amigos”. “As derrotas e situações de perigo podem ser muito desagradáveis, mas pelo menos, ela nos permite conhecer a verdadeira solidez dos nossos laços de afeto”, concluiu o prefeito Benedito Rafael da Silva, PR.


Promoção para Primeiro Sargento da Polícia Militar

Sargento Martins, que atualmente está respondendo pelo Destacamento da Polícia Militar na Estância Turística de Salesópolis foi promovido no dia 21 de abril, passando então a ser Primeiro Sargento.

A reportagem do Jornal do Povão esteve com o Primeiro Sargento Martins que falou de sua trajetória nestes vinte e cinco anos dedicados a Polícia Militar.

Em 4 de fevereiro de 1991, ingressou  na Polícia Militar, passando um ano na Escola de Soldados, e após sua formatura trabalhou na cidade de Franco da Rocha, em seguida foi para um Batalhão da Zona Sul de São Paulo.

Também foram mais cinco anos de Serviços prestados na Polícia Rodoviária Estadual em Mogi das Cruzes.

Após fazer o Curso para Sargento voltou atuar na cidade de São Paulo, Suzano, Mogi das Cruzes e Guararema onde ficou por quatro anos.

Desde 10 de abril de 2014 está no Comando do Destacamento da Estância Turística de Salesópolis e vem procurando realizar um trabalho diferenciado na cidade a fim de melhorar o atendimento a população atendendo a todas as solicitações.

“Sinto-me uma pessoa privilegiada”, resumiu em poucas palavras o Primeiro Sargento Martins o seu sentimento de estar na Polícia Militar do Estado de São Paulo.


Prefeito Rafael concede entrevista a nossa reportagem

Mais uma vez a reportagem do Jornal do Povão no intuito de deixar a população da Estância Turística de Salesópolis bem informada procurou o prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, para falar sobre os assuntos de interesse da população e do meio político.

Questionado sobre a possível saída dos vereadores Claudinei José da Silva e Edney Campos dos Santos ambos do PR, o prefeito disse que “ambos estão ainda cogitando a possível saída, mas o importante é que continua aliado a gestão”.

“O Claudinei é uma pessoa querida na cidade, tem o respeito da população, tem estratégia política é um jovem que tem uma liderança, e sobre seu comando tem mais dois Partidos, além de ser Presidente do PR, mas a sua saída bem como a do vereador Edney não tem nada definido até o momento”.

“Estou deixando um legado para o município que é o Plano Diretor de Turismo e essa luta com a Lei Específica para que deixe a cidade preparada para o futuro e mais moderna”.

“Vamos deixar a cidade legalizada pronta para caminhar e desenvolver, pois está totalmente “travada” e para que todos tomem conhecimento tem uma empresa que vai gerar cerca de 200 empregos está procurando uma área para suas instalações mas não consegue uma área legalizada com Escritura e Matrícula Registrada”.

Secretaria de Saúde

“A ex-secretária  Karyn Cristina de Miranda Fonseca Camargo foi fundamental para profissionalizar a Secretaria de Saúde, lutou para manter a Santa Casa funcionando, trazendo seriedade em seus trabalhos”.

“Devido a sua licença a Erika Ardachnikoff vai dar continuidade a parte técnica e o que estou pedindo a nova Secretária é a humanização do atendimento, para que os funcionários tratem melhor os pacientes quando chegarem para ser atendidos”.

“O paciente quando chega na saúde, somente ele sabe o que está sentindo e precisa ser tratada com todo carinho, respeito e dedicação então falta humanização porque faltou tempo para a Karem”.

“Mas mesmo assim realizamos a reforma do Posto de Saúde do Distrito Nossa Senhora dos Remédios, melhoramos o atendimento na Santa Casa que estava interditada pela Vigilância Sanitária e a Érika irá dar continuidade tendo um relacionamento com os vereadores, não para politizar a saúde, mas ter um olhar político e tê-lo como colaborador”.

“Se referindo a volta da realização de partos pela Santa Casa, o prefeito Rafael falou que a população precisa entender que a Estância Turística de Salesópolis é de baixa complexidade e o Estado não repassa dinheiro e não aprova especialidades como Parto e para tanto temos Mogi das Cruzes como referência que o SUS indica”.

“Agora se o município tiver dinheiro para realizar os procedimentos seria viável o que não é nosso caso, pois não temos esses recursos e a Santa Casa não é um órgão municipal e sim particular, a prefeitura compra os serviços de Pronto Atendimento da Santa Casa”.

“E com as dificuldades que enfrentava poderia fechar as portas e intervimos e estamos agora tentando terceirizar para uma entidade social, e iremos fazer um levantamento técnico para que essa entidade venha profissionalizar o atendimento na Santa Casa, vai vender uma parte para a prefeitura, particular, gerar receita e poder trazer partos e ortopedia, sejam pelo SUS ou atendimento particular”.

“Precisamos que o deputado ajude o município, a Santa Casa” (se referindo à entrevista do deputado Dr. Gondim ao Jornal do Povão), “e o que eu tenho feito é pedir recursos para o governo estadual e federal, pois não se pode mandar verbas para a Santa Casa e sim para a prefeitura aplicar na saúde”.

“Recebemos recursos dos deputados Ricardo Izar, Janete Pietá, e quem tem dinheiro é o Estado, o município não tem recursos suficientes, e espero que o deputado Dr. Gondim possa trazer recursos para serem investidos na Santa Casa, pois mais do que ninguém ele conhece os problemas que enfrentamos na saúde”.

Rua Sebastião Soares Leite

A Rua Sebastião Soares Leite não vai mais receber as benfeitorias devido à restrição ambiental.

O prefeito Rafael explicou o motivo e que após a aprovação da Lei Específica será possível realizar obras de pavimentação no local.

“A CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) não autoriza obras em que loteamentos tenham Ação Civil Pública, se a obra fosse executada pelo Estado não haveria a necessidade de Licença Ambiental, mas como se trata de uma obra do Governo Federal há essa necessidade e por esse motivo não conseguimos executar a obra”.

“Antes da Lei de Proteção dos Mananciais a CETESB autoriza obras e após essa data não podemos executar sem a Licença Ambiental, e a Rua Sebastião Soares Leite foi aberta posterior a Lei dos Mananciais, também sofre Ação Civil Pública”, encerrou a entrevista o prefeito Rafael.


Estância Turística de Salesópolis

Secretário de Educação concede entrevista ao JP

O Secretário de Educação da Estância Turística de Salesópolis Professor José Luiz Padilha Aguilar falou a nossa reportagem sobre os trabalhos que estão sendo desenvolvidos nas unidades escolares.

Padilha disse que “já está disponível em todas as unidades escolares uma impressora para uso exclusivo dos professores a fim de poderem reproduzir apostilas e os alunos terem um melhor aproveitamento durante as aulas”.

“Também já foi solicitado o papel sulfite, mas que por problemas burocráticos já estão sendo providenciados a todas as unidades de ensino”.

Perguntado se as salas de aulas estão superlotadas com a chegada dos alunos da Zona Rural para estudarem nas escolas da cidade Padilha disse que “a capacidade hoje que é programada pelo Estado é de 28 a 30 alunos e a média das escolas municipais é de 23, visto que foram construídas três salas no Distrito Nossa Senhora dos Remédios e mesmo assim não atinge 30 crianças nas salas”.

“Atualmente estamos economizando com a vinda das crianças para estudarem na cidade cerca de R$ 100 mil o que faz muita diferença no final do mês”.

“Dentro da nossa capacidade humana as crianças estão sendo bem assistidas e nosso maior trabalho é a inclusão de todos os alunos e não admitido que nenhuma criança seja discriminada”.

Datas comemorativas

“De maneira alguma queremos acabar com as comemorações do dia das mães e dos pais, pois é uma data marcante na vida de todos, mas queremos conceituar”.

“Hoje a família é diferente, e não queremos tirar o dia especial dedicado aos pais, mas queremos que também tenha um debate sobre a família”.

“A Secretaria tem a obrigação de orientar a todos de como devemos trabalhar e de forma alguma iremos acabar com as comemorações, queremos sim compor esse dia como o Dia da Família”.

“Cada Gestor irá definir como será feita a comemoração do dia das mães e dos pais e queremos fundamentar o que representa a comemoração, sem discriminar nenhuma criança, essa é a nossa função”.

“Precisamos ser uma ferramenta eficiente”

“Realizamos no ano passado a Primeira Mostra da Educação, Jornada de Matemática que envolve quebrar a rotina da escola e para se colocar algo dentro da Educação precisamos nos alinhar com os gestores que precisam participar desta proposta, professores estarem cientes para passar aos alunos”.

“Quem realiza os eventos são os professores, nós somos apenas ferramentas para que tudo venha acontecer”.

“Não podemos impor e sim ouvir o Gestor aperfeiçoar e assim realizar o que é da necessidade das Unidades Escolares”.

PROERD

Questionado se haverá ou não a realização das aulas do PROERD (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência) Padilha disse que “estamos de portas abertas para receber o PROERD na Estância Turística de Salesópolis e sabemos que existem as aulas ministradas pelo Cabo PM André Candelária, mas também temos uma proposta de colocar um campeonato no PROERD e não tem como viabilizar visto que já temos no calendário um Projeto Esporte na Escola que já contempla esse movimento”.

“O que queremos é o PROERD tradicional em que o professor compareça na sala de aula e realize seu trabalho e no final do ano encerra com a formatura”.

“Seria uma questão de conversar, visto que o PROERD não atrapalha o horário das aulas e sim contribui para uma melhor formação dos alunos”.

“Nossa preocupação é com a formação dos alunos e também para que venha acontecer às aulas do PROERD nas escolas”, concluiu o Secretário de Educação Professor José Luiz Padilha Aguilar.


Dr Gondim fala sobre a situação da saúde

O médico e deputado estadual Dr. Gondim falou a nossa reportagem sobre a situação da saúde no Alto Tietê e fez uma reflexão do que poderia estar sendo realizado na Estância Turística de Salesópolis”.

“Ajudamos o AME (Ambulatório Médico Especialidades) que atendem todo Alto Tietê e também o Hospital Luzia de Pinho Melo em Mogi das Cruzes”.

“O que fica difícil é que precisa investir mais em saúde, então precisamos ter bons plantonistas na Santa Casa de Salesópolis, pois é o único local de referência da população e também algumas especialidades são importantes”.

“Se tivéssemos algumas especialidades seria uma grande ajuda a população, pois penso assim e sou um voluntário da Santa Casa para poder ver se ajudo a conseguir algumas vagas em Mogi das Cruzes ou São Paulo”.

“O que queremos é agilidade entre consulta, exame e início de tratamento, o Hospital Luzia ou AME precisa dar essa “vazão” para a Estância Turística de Salesópolis, essa é a nossa luta”.

“Ressonância e Tomografia tem demorado muito no Hospital Luzia de Pinho Melo, e se o diagnóstico for precoce o tratamento será rápido e poderá salvar vidas”, encerrou o deputado estadual Dr. Gondim.


Santa Casa da Estância Turística de Salesópolis

Entrevista com o Diretor Marco Cáfaro

A reportagem do Jornal do Povão procurou o Diretor da Santa Casa da Estância Turística de Salesópolis Marco Antônio Cáfaro para podermos passar a nossos leitores a real situação em que se encontra a saúde.

Marco disse que atualmente “a Santa Casa de Salesópolis  tem médicos especialista que são concursados pelo Estado que prestam serviços a população, que são: Oftalmologista, que atende às quintas-feiras;  Neurologista nas terças-feiras e pequenas cirurgias nas terças-feiras e que precisam ser marcados na Secretaria de Saúde da Estância”.

Questionamos sobre a volta da realização dos partos na Santa Casa como já ocorreu no passado, e Marco nos disse que “a preocupação do prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, e da Diretoria da Santa Casa é voltar a realizar partos que é muito importante para nossa cidade”.

“O difícil foi recomeçar a trabalhar na Santa Casa e agora temos que voltar a funcionar os serviços essenciais a população e precisamos ter acesso aos autos da Notificação da Vigilância Sanitária para podermos nos adequar”.

“Precisamos regularizar a lavanderia que foi um dos motivos do fechamento da área para partos e precisamos terceirizar a lavanderia para podermos voltar a internar pacientes”.

“Hoje atuando na Santa Casa temos dois médicos durante o dia e um à noite diariamente sem interrupção”.

“O que estamos viabilizando também é um Ortopedista para atender ao povo de Salesópolis, visto que precisamos atender bem a população”.

“Temos que adequar a Santa Casa e em seguida termos um Ortopedista e um Pediatra para o melhor atendimento a todos”.

“Estamos solicitando mais serviços para a Santa Casa e em curto prazo iremos melhorar”.

“Os salários dos funcionários é efetuado pelo MAC (Média Alta Complexidade) e assim que os recursos chegam os pagamentos são efetuados”.

SAMU e Ambulância da Santa Casa

“Os APH “Atendimento Pré Hospitalar” são atendidos pelo SAMU e a nossa ambulância é direcionada para transferência de pacientes”.

Dengue

“A Santa Casa está realizando nos finais de semana o atendimento as pessoas com suspeita de Dengue, visto que durante a semana é realizada no Centro de Saúde e a Sorologia está sendo realizada na Santa Casa”.

“Para que a população fique bem informada Salesópolis registrou dois casos de Dengue e três casos foram de pessoas que contraíram dengue em outras cidades”.

“Agradeço a todos que tem "abraçado a Santa Casa” e hoje muitas pessoas estão acreditando na Santa Casa, fazemos uma administração aberta a população e estamos sempre a disposição de todos”.

“Os eventos que realizamos são todos transparentes e quando a população precisar fazer alguma crítica que venha até nós para que possamos melhorar o atendimento”.

“A grande maioria elogia nossos trabalhos e diante a crise que passamos procuramos fazer o melhor para todos e a  humanização e medicação aos pacientes estão em primeiro lugar e queremos dar um tratamento digno para quem usufrui da Santa Casa”.

Em sua mensagem ao povo da Estância Turística de Salesópolis Marco disse que:  “com a força da população a Santa Casa irá se fortalecer, pois quem usa sabe da grande necessidade de estamos abertos e oferecendo o melhor serviço possível e todos sabem do me esforço desde o dia em que assumi a Diretoria, o povo tem acreditado e a transparência é tudo, pois sozinho jamais conseguiríamos algo, e as críticas é uma forma de melhorarmos ainda mais o atendimento” falou Marco Antônio Cáfaro.


Estância Turística de Salesópolis

Prefeito Rafael fala da escolha da nova Secretária de Saúde

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis, Benedito Rafael da Silva, PR falou a nossa reportagem sobre a escolha da nova Secretária Municipal de Saúde, Erika Ardachnikoff, que já trabalhou em seu primeiro mandato.

“Quero uma ênfase maior na parte política da Secretaria de Saúde, por esse motivo convidei a Erika Ardachnikoff para ser a Secretária de Saúde, já que avançamos principalmente na questão da Santa Casa, que se encontra hoje melhor do quando assumimos”.

“Hoje temos dois médicos durante o dia na Santa Casa além do Dr. Humberto que atende a população”. “A rede pública conta atualmente com quatro médicos cubanos e agora temos Agentes de Saúde, Assistente Social e Enfermeiros para atender a população e realizamos melhoria na Clínica de Fisioterapia”.

“O Caps será implantado ainda neste ano, faltando apenas a vistoria da Vigilância Sanitária para aprovar as instalações, visto que o prédio está todo adequado”.

“A Erica Ardachnikoff tem sua função mais social e esperamos que ela valorize as ações da saúde junto à população, visto que é uma pessoa com carisma e tem um perfil mais popular”.

“Queremos que a população reconheça o que estamos fazendo, visto que há falsas informações circulando nas redes sociais, e a Erica irá trazer uma “cara nova” para a saúde em Salesópolis”

“Os exames que estavam atrasados seis meses agora estão em apenas dois e iremos zerar no máximo até o próximo mês”.

“Queremos sim uma parceria, que o Poder Legislativo ajude a buscar recursos para a saúde com emendas”, concluiu o prefeito Rafael otimista com a chegada da nova Secretária de Saúde. 


Entrevista com o Presidente da Associação Caminhando Juntos

José Gastão Cursino dos Santos

O Presidente da Associação Caminhando Juntos José Gastão Cursino dos Santos falou dos trabalhos que são realizados diariamente em sua Sede e disse que “atualmente trezentas e cinquentas crianças e seus familiares estão sendo atendidas pelo Projeto Caminhando Juntos e as atividades junto a comunidade ainda estão limitadas pela dificuldade de verbas que todo o município tem, mas nos últimos tempos estamos com um progresso muito grande, com os computadores, atividades que são desenvolvidas, parcerias com o Centro Espírita, Igreja Católica, comércio local e principalmente com a doação das Notas Fiscais e devagar estamos conseguindo melhorar toda nossa estrutura física e equipamentos e trazer mais benefício para a comunidade Salesopolense”.

“As crianças que estudam de manhã frequentam o projeto na parte da tarde e vice versa e a noite temos aulas de informática para os familiares, visto que o projeto está trazendo a família para que participem das atividades”.

“Sede da Associação Caminhando Juntos está localizada no Bairro do Fartura e temos um outro polo na Igreja de São Sebastião e futuramente pretendemos levar o projeto a outros Bairros, mas precisamos de uma estrutura maior”.

“Através da Secretaria de Assistência Social recebemos verbas que são destinadas para podermos desenvolver nossos projetos, é uma parceria com a prefeitura da Estância Turística de Salesópolis”.

“Através de uma emenda parlamentar do deputado estadual André do Prado de 2011 e no final do ano passado fomos agraciados com os computadores e na eleição do ano passado o deputado federal Marcio Alvino também doou quatro computadores para nossa sala de informática”.

Em sua mensagem ao povo de Salesópolis José Gastão pediu para que “a população contribua doando os cupons fiscais nos postos de coleta e aqueles que querem colocar seus filhos no Projeto que nos procure em nossa Sede e hoje mesmo com as vagas completas temos lista de espera mas podemos abrir novos horários e projetos, o importante é que haja participação nos dois sentidos, pois nosso lema é fazer de Salesópolis um lugar melhor para viver”, concluiu José Gastão.


Entrevista com o deputado estadual André do Prado 

O deputado estadual André do Prado também falou a nossa reportagem e disse que “neste dia de festa estou aqui participando da inauguração da sala de informática da Associação Caminhando Juntos, um recursos que enviei que eles puderam adquirir os computadores”.

“São mais de trezentas crianças e adultos atendidos e fico feliz em estar participando pela importância dos equipamentos que irão ajudar a todos”.

“Aproveitamos para falar de outros assuntos da Estância Turística de Salesópolis, como o Centro Comunitário do Bairro do Fartura que foi um recurso de uma emenda minha e que está sendo finalizada e visitei as obras de pavimentação que se iniciaram.

“Hoje conversei como prefeito Rafael sobre a agenda em Guararema com o Secretário da Casa Civil Edson Aparecido sobre a Lei Específica e o projeto será encaminhado ao Governador que logo em seguida irá enviar Projeto de Lei para a Assembleia para ser votado e assim a Lei Específica entrar em vigor”.

“É um dos principais benefícios para a Estância Turística de Salesópolis é a aprovação da Lei Específica que diversos outros problemas que a cidade tenha serão resolvidos, como habitação, regularização de loteamentos, geração de empregos, turismo, obras sociais através da prefeitura,”.

“Perdemos diversos programas que poderiam vir para a cidade mas com o “engessamento” dessa Lei em vigor hoje Salesópolis não consegue desenvolver de acordo com suas necessidades”.

Asfalto Distrito – Guararema

“É uma questão que irei tratar visto que já tem projeto executivo pronto e essa obra já está adiantada dentro do DER (Departamento de Estrada de Rodagem) e estivemos com o Secretário de Transporte Duarte Nogueira que já se prontificou que a primeira pauta com o Governador será o pedido que faça a ligação asfáltica do Distrito Nossa Senhora dos Remédios até a cidade de Guararema, que é em torno de dez quilômetros”.

O deputado estadual André do Prado deixou uma mensagem a população: “Desejo uma mensagem de otimismo e esperança a todos, que realmente possamos acreditar e que em um futuro bem breve iremos ver o desenvolvimento da Estância Turística de Salesópolis para que seu povo possa trabalhar na cidade e que seus filhos cresçam e trabalhem nesta cidade maravilhosa”.


Prefeito Rafael é eleito Presidente do Comitê de Bacias

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR foi eleito na manhã de terça-feira, 31 de março Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê.

A reportagem do Jornal do Povão esteve presente à tarde aguardando a chegada do prefeito Rafael para uma entrevista a qual falou de sua indicação ao cargo de presidente e principalmente de seu principal desafio que é a aprovação da Lei Específica que é aguardada por todos.

“Fiquei surpreso na semana passada quando recebi o convite para aceitar a indicação  da atual diretoria para a disputa do Comitê de Bacias, que passa por um momento muito importante que a partir deste ano começa a cobrança de recursos pelo uso da água que irá gerar uma massa de recursos importante”.

“Já foram arrecadados R$ 15 milhões e a meta é atingir R$ 40 milhões e agora o Comitê irá ter uma Fundação Agência que irá gerir os recursos para aplicar nos municípios e um Fundo Estadual de Recursos Hídricos”.

“São vários prefeitos de cidades importantes que me apoiaram como São Bernardo do Campo, Guarulhos, Mogi das Cruzes e São Caetano que são municípios de expressão e acharam que deveriam me indicar e não teria como recusar e fui eleito por unanimidade para o biênio 2015/2016”.

“É um desafio importante que hoje é formado por entidades representativas de todas as Secretarias do Estado, trinta e nove prefeituras da Grande São Paulo, Federação das Indústrias Associações não Governamentais,  é muito importante esse Comitê e eu poder presidir é um desafio e uma honra e na visão deles tenho o preparo necessário”.

“O primeiro grande desafio frente à presidência do Comitê continua sendo a Lei Específica, que a partir de agora fica mais fácil para agilizar e quero na próxima semana estar agendando no Conselho Estadual de Recursos Hídricos, viabilizar a aplicação dos recursos e a função do Comitê orientar o Governo do Estado na política dos Recursos Hídricos de  como investir e melhorar a qualidade de água, esgoto e meio ambiente, coordenando na Grande São Paulo, é um desafio que esperamos dar a resposta que o povo merece”, concluiu o prefeito Rafael.


Exclusivo

Entrevista com o prefeito da Estância Turística de Salesópolis

Benedito Rafael da Silva

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, atendeu a nossa reportagem durante uma hora na tarde de quarta-feira, 25 de março, e falou sobre os dois anos de seu governo, das críticas que recebe tanto da população como dos vereadores e disse que as obras de infraestrutura que todos aguardam serão executadas.

Em nossa redação dividimos a entrevista em duas partes para que nossos leitores possam fazer uma análise de todos os trabalhos que foram e estão sendo desenvolvidos pela atual administração.

Quando perguntamos se havia alguma oposição dos vereadores aos trabalhos desenvolvidos por sua administração o prefeito Rafael disse que “todos os projetos aos trabalhos desenvolvidos por sua administração de interesse da população a base aprovou, não podemos patrulhar o vereador, pois ele precisa ter liberdade democrática dentro de seus princípios”.

“O vereador tem a liberdade de manifestação, opinião e fiscalização e não podemos impedir, mas quando temos um projeto de interesse da municipalidade chamamos a base para votar e o único projeto que faltou até mesmo de minha parte (prefeito Rafael) um diálogo melhor, foi à questão da iluminação pública”.

“Não somente a base, mas até mesmo a oposição, quando necessito para votar algum projeto eles aprovam por 11 a 0, isso é uma característica de nossa cidade, e quanto o interesse é público os vereadores relevam”.

“Nós não temos oposição no município o que existe realmente são interesses pessoais de alguns vereadores, denegrir a imagem do prefeito, e querer aparecer na mídia”.

“Um bom exemplo é que quando conseguimos uma doação de madeira para melhorar as condições das pontes existentes no município, o vereador foi e denunciou no GAEMA”.

“Irei realizar uma reunião com minha base ainda nesta semana e mudar a estratégia de administração e o que está faltando é proximidade, mais conversa e diálogo para resolver os problemas”.

“Eu assumi muitas coisas para poder “legalizar” Salesópolis, que estava sem plano de drenagem, resíduo sólido e sem plano de saneamento e muito tempo foram perdidos para trabalhar a fim de legalizar todos esses planos”.

“Outro desafio que foi colocado é ser presidente do Comitê da Bacia do Alto Tietê, que envolve todos os municípios da grande São Paulo, que já foi administrado pelo ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab e pelo prefeito de Mogi das Cruzes Marco Aurélio Bertaiolli e hoje o prefeito de São Bernardo e a FIESP me convidaram para assumir o Comitê de Bacia do Alto Tietê, que envolve 36 municípios da Grande São Paulo”.

“É um desfio muito grande, mas ao mesmo tempo mostra o respeito que temos, e irei assumir em benefício da população, que amanhã irá entender”.

Lei Específica

“O projeto foi aprovado a minuta e irá para o Palácio do Governo para aprovação final e com a crise hídrica, houve uma negociação com o Comitê da Baixada Santista para que as águas dos Rios Itatinga e Itapanhaú fossem aproveitadas pelo Alto Tietê”.

“Já estive com o Secretário de Recursos Hídricos e na próxima pauta do Conselho de Recursos Hídricos colocar em votação final e assim encaminhar ao Palácio do Governo e após o meio do ano chegar à Assembleia Legislativa para votação e aprovação”.

Crise Hídrica

Em uma reunião com o Superintendente do DAEE ele me agradeceu a participação de Salesópolis na parceria com os agricultores para a flexibilização do Ato Declaratório, sendo que mais de 1500 produtores já se cadastraram e assim autorizou os agricultores a entrarem com o processo de outorga que estavam parados e trouxe ainda uma proposta do Governo do Estado uma proposta de empréstimo aos agricultores no total de R$ 64 milhões para financiar a agricultura do Alto Tietê, com prazo de seis anos para pagar, carência de um ano e zero de juros”.

“Cada agricultor poderá pedir até R$ 240 mil, para financiar processos para melhorar a produção agrícola e nosso trabalho e parceria com os agricultores foi um resultado muito positivo”.

Distrito Nossa Senhora dos Remédios

O prefeito Rafael disse que “estou sempre presente no Distrito Nossa Senhora dos Remédio, instalamos a academia ao ar livre no Bairro do Bragança, ampliação e modernização da Unidade Básica de Saúde, além de equipar todo o prédio, estamos com recursos para a reforma da quadra, no valor de R$ 250 mil, deixando o local em perfeitas condições de uso, ampliação da rede escolar participação efetiva nossa junto aos agricultores, cadastro ambiental rural, enfim não deixamos o Distrito abandonado.

Educação

“A não realização do Desfile em comemoração ao aniversário da Estância Turística de Salesópolis foi econômica, visto não ter orçamento, e priorizou atender melhor as crianças nas escolas, e as diretoras por consenso devido aos gastos resolveram por comum acordo não realizar”.

“Iremos ainda analisar uma data para que o desfile aconteça e pode até mesmo ser em 7 de setembro”.

“Quanto a não realização de festas em datas comemorativas como dia dos pais e mães, foi uma decisão tomada em conjunto, e assim será realizada uma festa para a família, ou seja uma semana dedicada a família nas unidades escolares”, concluiu o prefeito Rafael.


Entrevista - 24-12-2014

Prefeito Rafael fala das perspectivas para 2015

Em entrevista concedida a Equipe do Jornal do Povão o prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, disse que “o ano de 2015 será bem melhor, visto que demora dois anos para que os convênios sejam liberados para a realização de obras no município”.

“Nada acontece nos dois primeiros anos, e 2015 será um bom ano para todos em termos de melhoria para cidade”.

“A cidade ficará mais bonita com obras de infraestrutura, pavimentações, construção do Abrigo do Menor, e outros benefícios”.

Lei Específica

“A maior luta nossa é a conquista da Lei Específica que vai materializar se Deus quiser em 2015, e será a grande conquista da Região de Salesópolis, uma grande vitória nossa, o marco nosso, e quando sancionar a Lei Específica Salesópolis irá crescer e poder traçar seu destino”.

“Tenho muita fé e esperança que em 2015 tudo será melhor, o governador Geraldo Alckmin reeleito vai nos ajudar, os deputados que foram eleitos em nossa região tem vínculos conosco Márcio Alvino e André do Prado”.

“O Dr. Gondim também está engajando conosco, Marcos Damásio também nos procurou para uma parceria”.

Dificuldades

“As dificuldades continuam, a prefeitura com pouco recurso, um orçamento pequeno e temos que ajustar a “máquina administrativa”, cortar despesas, ajustando o orçamento e gastando o mínimo necessário”.

Saúde

“Vamos melhorar a saúde e já no início do ano iremos zerar todos os exames que necessitam serem realizados, visto que contratamos uma empresa que irá prestar os serviços à prefeitura de Salesópolis”.

“Vamos buscar solucionar o problema da Santa Casa, já que o Governo está com projeto que se chama Santa Casa Essencial que terá um recurso definido, sedo que o governo Federal pagará 50%, o Estadual 25% e o governo Municipal 25%”.

“E se for cumprida pelo Governo Federal iremos ajustar as contas da Santa Casa, visto que é uma Entidade Particular e não Municipal, mas temos um compromisso e fizemos a intervenção para cumprir com os serviços”.

“Criou-se uma Associação em parceria com a Santa Casa que irá trazer frutos para a sociedade”.

“Eu já havia dito durante minha campanha que os dois primeiros anos seriam difíceis, e mais do que o esperado é difícil ainda trabalhar com orçamento de 30 milhões e começar devendo 14 milhões” (se referindo as dívidas assumidas em 2013 do ex-prefeito Adilson).

“Estamos ajustando a “máquina” adequando a administração e reduzimos a folha de pagamento de 60% para 50% e estamos dentro da Lei”, concluiu o prefeito Rafael esperando dias melhores para 2015.

Carnaval 2015

O prefeito Rafael disse ainda que em 2015 o carnaval de rua voltará a ser realizado no centro da cidade para impulsionar o comércio de Salesópolis

“Será um carnaval simples e popular, na área central com banda”.

Salesópolis voltará as suas tradições com a realização do Carnaval no centro da cidade e com as tradicionais marchinhas.

“Será uma festa bonita e familiar para o povo de Salesópolis e para quem estiver visitando nossa cidade” disse o prefeito Rafael.


Polêmica em Salesópolis - 2-12-2014

Prefeito Rafael fala sobre a retirada de madeiras

para a construção de pontes

Em entrevista exclusiva ao Jornal do Povão o prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, falou sobre a retirada de madeiras da área pertencente ao DAEE para a construção de diversas pontes em Salesópolis e no Distrito Nossa Senhora dos Remédios.

Rafael falou que “estava retirando madeira que era levada para as serrarias de Salesópolis para que fossem cortadas no tamanho correto para a construção de pontes, e como a prefeitura não dispõe de recursos financeiros suficientes para arcar com todas as despesas as serrarias ficavam com 50% da madeira e realizada o corte conforme solicitado”.

As madeiras retiradas da área do DAEE eram as que estavam queimadas em com suas raízes condenadas, aquelas que foram atingidas por raios e madeiras que já se encontravam caídas”.

“Após enviar um ofício ao Superintendente do DAEE, a prefeitura de Salesópolis foi autorizada a retirar as madeiras, sendo que uma madeireira ficaria responsável pela retirada e o corte para depois enviar a prefeitura, sem custos algum para os cofres públicos”.

“Mas infelizmente algumas pessoas querendo boicotar nosso trabalho foram até o Ministério Público denunciar a extração da madeira, querendo criar uma desarmonia entre a prefeitura e o DAEE, visto que o mesmo DAEE irá realizar as obras no Aterrado, enfim, estão querendo prejudicar o início da mesma”.

O prefeito Rafael ao concluir sua entrevista disse que “são pessoas que não querem ver o bem da cidade e estão articulando a destruição do prefeito, mas na realidade irão prejudica é o desenvolvimento de Salesópolis”, disse o prefeito Rafael indignado com a atual situação em que se encontra a cidade precisando melhorar o atendimento na Zona Rural, mas sendo impedido de poder realizar a reconstrução das pontes.


Entrevista - 16-11-2014

Prefeito Rafael fala sobre as mudança previstas na Educação para 2015

O prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, em entrevista ao Jornal do Povão falou das dificuldades enfrentadas pela sua administração ao longo desses dois anos e disse sobre os investimentos que estão sendo previsto para acontecer na cidade.

Rafael falou primeiramente sobre a questão mais polêmica do momento que é a transferência dos alunos que estudam na Zona Rural de Salesópolis para as escolas situadas no perímetro urbano.

Em uma reunião realizada no Gabinete do Prefeito apenas três vereadores participaram (Claudinei José de Oliveiram, PR, Edney Campos dos Santos, PR e Paulo Roberto de Faria, PR) e puderam assim se reiterarem melhor sobre os trabalhos que estão sendo desenvolvidos para melhorar o ensino em Salesópolis.

No início houve muitas críticas à administração sobre vinda desses alunos para estudarem nas unidades escolares da cidade, mas analisando o lado positivo o prefeito Rafael disse que o aluno estudando na cidade terá acesso a internet, biblioteca e serviços odontológicos.

A qualidade pedagógica que o aluno irá encontrar nas unidades escolares é totalmente diferenciada do que nas escolas da Zona Rural.

O transporte dos alunos para a cidade sempre foram e continuarão a serem feitos com segurança e com monitores, e partir do próximo ano teremos ônibus mais novos para transportar os alunos.

As crianças que irão estudar nas EMEIs virão para a cidade em um local separada nos veículos e acompanhada por monitores.

Rafael disse que não irá faltar salas para os alunos e que os professores que hoje estão lecionando nas unidades da Zona Rural irão continuar exercendo suas profissões normalmente e assim melhorando a qualidade de ensino de Salesópolis. 


Entrevista - 04-10-2014

Prefeito Rafael fala ao povo de Salesópolis

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, concedeu entrevista ao Jornal do Povão e falou sobre as obras que serão iniciadas a partir deste mês.

As obras de infraestrutura e melhoria na saúde são as reivindicações da maioria dos moradores de Salesópolis e o prefeito Rafael disse que na questão da saúde está sendo realizado um mutirão para finalmente acabar com a espera de meses para se fazer um exame de laboratório.

Com esse mutirão que está sendo realizado no Centro de Saúde o prefeito Rafael pretende definitivamente acabar com toda a burocracia que os pacientes vinham enfrentando para poder fazer seus exames.

Na questão de obras de infraestrutura para a Estância e principalmente se tratando do asfalto de diversas vias da cidade, Rafael nos disse que após licitação e concluída a empreiteira vencedora as obras serão iniciadas o mais rápido possível.

Os moradores do Bairro do Totózinho Cardoso serão beneficiados com o asfalto da Rua São Sebastião que se encontra toda esburacada além de seu prolongamento que já conta com guia e sarjetas e que também receberá canalização de águas pluviais e em seguida a camada asfáltica.

Caminhão pipa

O prefeito Rafael disse que através de uma emenda do Deputado Federal Junji Abe Salesópolis será contemplado com um caminhão pipa novo que chegará ainda neste ano.

ARES

Após realizar uma visita na ARES Associação dos Recicladores de Salesópolis o prefeito Rafael disse que irá remover a estrutura metálica que se encontra no Prolop, assim aumentando o galpão para melhor atender a demanda.

“Também foi solicitada uma emenda ao deputado André do Prado para obras de melhoria no local com pavimentação e piso onde se encontra a ARES”.

Obras do DADE

O projeto de reurbanização da entrada da cidade e da “Avenida Nova” foi enviado para ser aprovado pelo Departamento Técnico do DADE e que irá liberar os recursos para a execução da obra.

“Naquele local teremos um parque com centro de convenção, pista de skate, academia ao ar livre, com espaço para as crianças, ou seja, um local aprazível com lanchonete e banheiro, para que o turista tenha o prazer de visitar Salesópolis, mas antes de tudo queremos atender aos anseios da população de nossa cidade”, disse o prefeito Rafael.

Eleições 2014

O prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, disse que a equipe de campanha composta pelo vice-prefeito Vanderlon Oliveira Gomes e dos vereadores de sua base estiveram presentes em todos os Bairros e realizaram um trabalho de equipe.

“Com o resultado de domingo saberemos se a população está de acordo com o trabalho que estamos desenvolvendo em conjunto com os deputados que realmente ajudam nossa cidade a ir ao caminho do desenvolvimento”, disse o prefeito Rafael esperando apoio dos eleitores.

A segunda avaliação política do prefeito Rafael será após a abertura das urnas.

O prefeito Rafael disse que a partir deste ano será iniciada as obras de seu governo e como disse durante sua campanha em 2012, no final do segundo ano de seu mandato já seria possível iniciar as obras de infraestrutura visto que nos primeiros dois anos foram para colocar a “casa em ordem” e depois sim poder dar continuidade a seus ideais e assim melhorar as condições de todos os moradores de Salesópolis.

Distrito Nossa Senhora dos Remédios

Está sendo realizado no Distrito a obra e ampliação e reforma do Posto de Saúde, e será ainda iniciada a reforma da quadra de esportes e fechamento das laterais onde serão investidos R$ 250 mil e para completar a agência dos correios está sendo toda remodelada para prestar melhor serviço a população.

O Bairro do Bragança irá contar com a academia ao ar livre, além de apoio a escola de futebol e a capoeira.

Mensagem do prefeito Rafael

“Que todos escolham seus candidatos e pensem no futuro de nossa cidade, nos candidatos que realmente irão ajudar Salesópolis, não votando em candidatos que veem a nossa cidade apenas em épocas de eleição”.

“Temos bons candidatos que ajudaram Salesópolis com emendas que beneficiaram a população”.


Repercussão

Prefeito Rafael:

"Jamais chamei os funcionários de vagabundos"

Uma semana após a vereadora Sandra Regina Assis, PMDB, ter falado na Tribuna da Câmara que o prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, persegue funcionários e que os chamou de vagabundo, e sabendo da repercussão que teve em Salesópolis junto a opinião pública, o prefeito falou com exclusividade ao Jornal do Povão.

O prefeito Benedito Rafael da Silva, PR, em entrevista disse que após assistir a Sessão da última segunda-feira, 9, e ouvir o que a vereadora Sandra Regina Assis, PMDB, falou na Tribuna, qualificou como sendo uma acusação leviana, principalmente vindo de uma advogada que está fazendo acusações inverídicas.

"Os funcionários sabem de minhas atitudes, os cuidados que tenho com todos, sempre procurei o diálogo principalmente quando se tratou sobre o reajuste da cesta básica, e com a falta de funcionários na administração sobrecarregam os Secretários e Diretores, e infelizmente não temos condições de contratar".

"É logico que nem toda empresa tem funcionário comprometido com seu trabalho, e no nosso caso a prefeitura é a casa deles, o prefeito passa, mas o funcionário fica".

"O comprometimento dos funcionários é essencial, pois se ele entra com uma ação judicial contra a prefeitura e sabe que não tem direito, estará prejudicando não somente a administração mas a todos, pois precisará se ausentar de seu trabalho para audiência, teremos gastos com advogados, enfim é um gasto para os cofres púbicos".

Quanto ao que falou a vereadora Sandra Regina Assis na Tribuna da Câmara que o prefeito Rafael chamou os funcionários de vagabundos, o mesmo disse a nossa reportagem que: "Falei que falta comprometimento dos funcionários, mas jamais chamei de vagabundos".

"Na verdade foi uma atitude leviana da vereadora e eu irei pedir a ata da sessão e tomar as medidas cabíveis".

"Estou pedindo direito de resposta na Tribuna da Câmara e também se cabe medida Judicial porque ela (vereadora Sandra Assis) faltou com decoro parlamentar na minha opinião, com acusação sem fundamento", disse o prefeito Rafael.

Quanto ao pedido de demissão da prefeitura o prefeito Rafael falou que "ela (vereadora Sandra Assis) me trouxe três pedidos de demissão e eu recusei, conversei com ela, mas como  tinha problemas com o Estado pois sendo vereadora ela não poderia trabalhar naquele setor (CRAS) uma Assistente Social do Estado pediu sua remoção".

"Eu convidei ela (vereadora Sandra Assis) para trabalhar junto ao Gabinete e a mesma não quis e no terceiro pedido de demissão irrevogável eu aceitei".

"Jamais houve perseguição, é totalmente descabivel e leviana uma vereadora e advogada falar isso, ela já trabalhou comigo durante quatro anos e me conhece muito bem, e sabe que não sou de perseguir ninguém", concluiu o prefeito Rafael.


Prefeito rebate críticas dos vereadores

Prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR

O prefeito Benedito Rafael da Silva, PR que ao longo das duas últimas semanas vem sofrendo duras críticas dos vereadores quanto a sua maneira de administrar Salesópolis falou pela primeira vez a reportagem do Jornal do Povão sobre a atual situação.

O prefeito Rafael acha normal as críticas que vem recebendo de todos na Câmara Municipal, principalmente da vereadora Sandra Assis, PMDB, que apoiou sua candidatura em 2012 e se elegeu vereadora para seu primeiro mandato.

Rafael resssalta que "a vereadora Sandra Assis sendo ela uma advogada e ex-funcionária pública conhece as dificuldades de Salesópolis e sabe muito bem como "pegamos" a prefeitura e disse que ela não tem a sensibilidade deste momento difícil que estamos passando".

"Como ex-funcionária da prefeitura a vereadora Sandra Assis tem conhecimento do quanto se arrecada anualmente no município e sabe muito bem como a administração passada deixou nossa cidade", disse o prefeito Rafael.

O prefeito Rafael indagou "porque a vereadora Sandra Assis não vai até a deputada que ela apoia e pede recursos para custeio da Santa Casa e também para pagar o ambulatório?".

"É fácil ser oposição nas horas difíceis e tomar a tribuna na Câmara para fazer picuinha pessoal".

"A diferença do administrador público é separar o pessoal do coletivo, estamos aqui para atender o coletivo, quando um vereador leva tudo pelo lado pessoal está errado porque temos que trabalhar pelo interesse da população".


Assessores da Câmara de Salesópolis são afastados

O presidente da Câmara de Salesópolis Francisco Marcelo de Morais Corrêia, PTB (foto) durante entrevista ao Jornal do Povão falou sobre a demissão dos Assessores Jurídico e Contábil da Câmara conforme determinação Judicial na última semana.

Foi contratado o Dr. Éden Wuo para defender a Câmara de Salesópolis que entrou com um pedido para suspender a liminar que foi negado pelo Tribunal de Justiça.

Marcelo disse que após cumprir determinação Judicial que obrigava a Câmara a demitir ambos Assessores, tem agora noventa dias para realizar concurso público para os Cargos de Procurador Jurídico e Contador.

Nesse período como tem folha de pagamento para ser elaborado das funcionárias e vereadores será contratado emergencialmente um responsável pelo Jurídico e Financeiro da Câmara.

"A denúncia que culminou com o afastamento dos assessores da câmara ocorreu no ano de 2012 e acabou saindo apenas neste ano”. “Se era para atingir alguém naquele ano acabou por atingir esta presidência”.


Salesópolis

Prefeito Rafael anuncia pacote de obras

O prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR em entrevista a equipe do Jornal do Povão falou que está prevista para início até julho uma série de obras que vai modificar totalmente o visual da cidade.

Serão asfaltadas várias ruas da cidade entre as mais esperadas pela população estão as ruas Sebastião Nepomuceno da Silva, no Bairro do Totózinho Cardoso e Sebastião Soares Leite, que liga o Bairro do Fartura com a estrada do Bracaiá.

Também está sendo recuperada a estrada da Usina através do Programa Melhor Caminho, a estrada do Aterrado também está sendo melhorada pelo Departamento de Obras e o Aterro será todo recuperado através de uma parceria com o DAEE que liberou R$ 850 mil Reais para a realização de toda infraestrutura daquele local e assim dar melhor condições de segurança aos usuários.

Outras ruas de grande importância para os moradores também estão incluídas neste primeiro pacote de obras para Salesópolis, trata-se da Avenida Professor Adhemar Bolina Trecho II iniciando em frente a Clínica de Fisioterapia até o Supermercado Okamura,, Rua Benedito Amaro de Faria, Rua Antônio Pereira, a Rua que dá acesso ao Jardim Bela Vista que está toda em terra e algumas Ruas do Loteamento do Carmona, além da construção de um Centro Comunitário no Bairro do Fartura.

Enfim teremos uma cidade mais bonita sem buracos e quase que toda asfaltada com produto de grande durabilidade,

E para concluir o prefeito Rafael disse a nossa reportagem que será construído um polo turístico na Avenida “Nova” sendo que o projeto está sendo elaborado e os trabalhos deverão serem iniciados ainda este ano.

“No segundo semestre a população estará mais feliz com a realização de tantas obras em nossa cidade o que vai deixar um visual muito mais bonito principalmente aos turistas que nos visitam diariamente”, disse o prefeito Rafael que está confiante em deixar a cidade cada vez mais bonita.


Rejeitadas pelos vereadores

Prefeito Rafael fala da votação das contas do ex-prefeito Adilson

Prefeito Benedito Rafael da Silva, PR em seu Gabinete na Prefeitura de Salesópolis

O prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, foi questionado pela reportagem do Jornal do Povão sobre a votação das contas do ano de 2010 do ex-prefeito Antônio Adilson de Morais, que teve suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas e também pelos vereadores durante votação na Sessão da Câmara realizada no dia 28 de abril passado.

O prefeito Rafael disse que se tratou de uma votação técnica e que o ex-prefeito Adilson teve o parecer desfavorável tanto do Departamento Financeiro e Jurídico da Câmara além das Comissões que também indeferiram as Contas do ano de 2010.

O ex-prefeito Adilson teve um déficit orçamentário na ordem de 2 milhões de reais por má gestão e na realidade dos fatos o prefeito tem que gastar apenas o que recebe e não aumentar a dívida.


ENTREVISTA

Prefeito Rafael fala do destino do lixo

”Pelos diagnósticos que foram feitos a situação real do lixo, varrição de rua, coleta de lixo, entulho que se retira das ruas e tem um gasto maior do que se arrecada anualmente com a taxa do IPTU”.

“Precisamos a partir de agora realizar um prognóstico do que iremos fazer para melhorar a qualidade dos trabalhos, reduzir despesas e acima de tudo reduzir volume de lixo”.

“Estamos hoje regulamentando o município, já fizemos o plano municipal de saneamento, plano de drenagem que é uma exigência, plano de resíduos sólios nesta data e estamos contratando o plano municipal de turismo”.

“Precisamos levantar o quanto estamos gastando para podermos diminuir essas despeas pois são R$ 2 milhões por ano e gasta mais do que arrecada, por isso precisamos fazer política pública para podermos diminuir esse valor, incentivando a coleta seletiva pela importância ambiental”, concluiu o prefeito Rafael.


SAÚDE EM SALESÓPOLIS

 

 

A reportagem do Jornal do Povão procurou o prefeito Benedito Rafael da Silva, PR (foto acima) para que o mesmo falasse sobre os últimos acontecimentos ocorridos com relação a falta de medicamentos no Centro de Saúde e a respeito da permanência ou não da Secretária de Saúde Karyn Cristina de Miranda Fonseca Camargo (foto direita)

Quanto à falta de medicamentos o prefeito Rafael falou a reportagem do Jornal do Povão que os funcionários da Saúde principalmente Farmacêuticos estão orientados a mandar uma planilha dos remédios com no mínimo de trinta dias.

Todas as requisições encaminhadas estão sendo adquiridas tanto para o centro de Saúde como para a Santa Casa.

Falando sobre a permanência da Secretária de Saúde o prefeito Rafael disse que não tem compromisso político nenhum e sim o trabalho dela é estritamente técnico, é uma falha não fazer um pouco de política o que todos os Secretários deveriam fazer, mas é a maneira dela trabalhar.

“Ela (Secretária de Saúde) goza de minha confiança é competente tem algumas falhas que precisam ser moldadas e quanto ao veículo da Vigilância Sanitária é de uso exclusivo para o Setor, e como eu (prefeito) pego esse veículo que transportou um cachorro ou outro animal para levar um paciente a um hospital”.

"Temos carro especial para  o transporte de pacientes para Hemodiálise, Quimioterapia, Fisioterapia e para Consultas de Especialidades todos os dias e mais as ambulâncias para atender emergências".

“Queremos colocar mais dois veículos para atender aos pacientes que precisam ir à parte da manhã e outro a tarde para melhorar o atendimento a nossa população”.

“As duas ambulâncias adquiridas junto a prefeitura de Guararema estão em plena atividade e ao contrário do que algumas pessoas falam já estão atendendo a população de Salesópolis”, concluiu o prefeito Benedito Rafael da Silva, PR.


Prefeito Rafael fala a população de Salesópolis

O prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva, PR, após saber do discurso do vereador Benedito Lélis Renó, PT entrou em contato com a Redação do Jornal do Povão para esclarecer a população o que de fato aconteceu nos cinco dias de Carnaval em nossa cidade.

O prefeito Rafael disse a nossa reportagem que nos cinco dias de Carnaval em Salesópolis dentro do recinto onde foi realizado o evento poucas foram às ocorrências em sua maioria envolvendo pessoas embriagadas.

No sábado de Carnaval tivemos um excelente público superando cinco mil foliões e que não houve nenhum incidente até o término da apresentação da Banda às 4:00.

Nos demais dias do carnaval foram de tranquilidade onde a família Salesopolense pode levar seus filhos para se divertirem ao som das marchinhas até às 23:00 e depois com a Banda Chapéu Brasil até às 4:00.

Para finalizar disse que ele (prefeito Rafael) ou sua esposa Paula Tenório jamais foram agredidos por algum folião mais exaltado e que nenhuma briga envolvendo ele ou sua família foi registrada durante esses cinco dias de carnaval em nossa cidade que foi a maior festa popular já realizada nos últimos anos.

 

topo