Rating: 3.9/5 (67 votos)




ONLINE
4




Partilhe este Site...

 

 


PRIMEIRA PÁGINA



 




Estância Turística de Salesópolis

Missa de encerramento do encontro de jovens

Realizou-se na noite de domingo, 5 de julho na Igreja Matriz de São José a missa de encerramento do encontro de jovens na Estância Turística de Salesópolis.

Mais de cem jovens participam do evento realizado pela Paróquia São José de Salesópolis que começou na sexta-feira, 3 de julho.

Padre Luciano Batata presidiu a Celebração que foi emocionante e ao mesmo tempo um momento único para todos poderem estar ainda mais perto de Deus.

Ao final da Celebração todos se confraternizaram cantando e louvando ao Senhor juntamente com Padre Luciano Batata; Diácono Muller Prado e o Seminarista Roberto Ribeiro dos Santos.


Estância Turística de Salesópolis

Vereador Lélis rebate críticas sobre campanha do agasalho

O vereador Benedito Lélis Renó, PT, durante entrevista a reportagem do Jornal do Povão falou sobre as críticas que recebeu da Presidenta do Fundo Social de Solidariedade da Estância Turística de Salesópolis, Paula Tenório.

“A minha manifestação durante a Sessão da Câmara ocorrida segunda-feira, 29 de junho foi justamente devido nosso município não contar com uma campanha do agasalho”.

“Estive no município de Biritiba Mirim para saber como está sendo realizada a campanha do agasalho naquela cidade”.

“Estou com um projeto de Biritiba Mirim e a campanha do agasalho precisa envolver toda a sociedade, comerciantes, bancos e escolas, pois é um trabalho de solidariedade”.

“Comprar cobertores e distribuir as pessoas é política, agora solidariedade é arrecadar roupas e envolver a população e logo em seguida doar para as famílias em situação de vulnerabilidade”.

“E oque eu tenho observado é que o Fundo Social da Estância Turística de Salesópolis arrecada roupas e vende, e não temos que vender e sim doar as pessoas necessitadas”.

“Em Biritiba Mirim todas as escolas foram envolvidas na campanha do agasalho e estou com uma prestação de contas, pois é necessário transparência e mostrar as pessoas como foi realizada”.

“Somente em uma escola em Biritiba Mirim “Professor Adhemar Bolina” foram arrecadados mais de 16 mil peças de roupas em parceria com o Fundo Social de Solidariedade”.

“Para incentivar todas as unidades escolares a participarem do evento é oferecido a classe que arrecadar mais agasalhos um passeio no Vale Encantado de Biritiba Mirim”.

“Em Biritiba Mirim existe uma parceria da sociedade junto com o Fundo Social e enquanto em Salesópolis as pessoas que recebem cobertores e agasalhos são selecionadas”.

“Quando se chega uma pessoa que necessita de roupas o Fundo Social tem a obrigação de atender independente de cadastro ou não”.

“A nossa presidenta do Fundo Social fica apenas um dia da semana na Sede do Fundo Social e isso após as 14:00, mas deveria estar todos os dias para atender ao público e se ela recebe ou não foi a opção que escolheu”.

“Estão usando de pessoas humildes e pobres para alto se promover e precisa então visitar o município de Biritiba Mirim para saber como é realizada a campanha do agasalho naquela cidade”.

“Eu me lembro de caixas que ficavam nos bancos e escolas onde as pessoas depositavam as roupas que depois eram rapidamente doadas a carente da cidade”.

“A minha manifestação na Câmara foi contestando a maneira que está sendo feita a campanha do agasalho na Estância Turística de Salesópolis, pois poderia ser melhor”.

“A minha ideia é dar sugestões para que melhores e aprimorem e que no próximo ano tenhamos uma ótima campanha do agasalho onde se doem as roupas ao invés de vender para fazer fundos e comprar cobertor para fazer encontro político”.

“Tenho respeito à presidenta do Fundo Social, mas queremos que façam os trabalhos para a população e temos que seguir os grandes exemplos de nosso município”.

“Temos sempre que fazer o melhor para a população e hoje vimos que na cidade o que prevalece é o ego das pessoas que fazem tudo para se promover e levar vantagens”, concluiu o vereador Lélis.


Arraiá na Rua do Zé do Anízio

Integrantes do CCI estiveram abrilhantando o evento

Ana Gleide e Roneu

Prefeito Rafael, Myrian Barroso, Paula Tenório e o Chefe Paulo 

Aconteceu na noite de sábado, 4 de julho o mais tradicional Arraiá de Rua da Estância Turística de Salesópolis, o Arraiá do Zé do Anízio.

Neste ano os organizadores do evento irão reverter toda a renda da festa para o Grupo de Escoteiros Tangará da Estância Turística de Salesópolis, que muito vem contribuindo para a educação e bem estar das crianças e jovens.

Os participantes do CCI (Centro de Convivência do Idoso) estiveram presentes a festa e animaram a noite fria e chuvosa de sábado.

CLIQUE E LEIA MAIS CIDADE


e-mail: takeda_jueri@hotmail.com



Estância Turística de Salesópolis

Presidenta do Fundo Social entrega cobertores

Na tarde de sexta-feira, 3 de julho a Presidenta do Fundo Social de Solidariedade da Estância Turística de Salesópolis, Paula Tenório fez a entrega de cobertores e agasalhos para mais de trezentas famílias.

CLIQUE E LEIA MAIS FUNDO SOCIAL DE SOLIDARIEDADE



Estância Turística de Salesópolis

Vereador Kiki solicita emenda Parlamentar

 


CLIQUE E LEIA EMPRESAS & NEGÓCIOS  



Encíclica “Laudato si”

Laudato si (louvado sejas) é o título da encíclica do Papa Francisco, cujo subtítulo “sobre o cuidado da casa comum” indica que o assunto é ecologia e preservação do Planeta Terra. Laudato Si’ é título também para a longa introdução que precede os cinco capítulos.

O Papa expõe sobre o que está acontecendo com a Terra, maltratada e depauperada. Reflete com base no evangelho, afirma que a raiz da crise é antropológica, aponta a urgência de uma ecologia integral, delineia orientações de como agir e vislumbra como saída a educação e a espiritualidade.

Da citação poética do cântico de Francisco de Assis, “louvado sejas, meu Senhor pela mãe e irmã terra, que produz frutos e flores coloridas”, passa logo para a veemente denúncia “do uso irresponsável e do abuso dos bens” da Terra e dos “sintomas de doença que notamos no solo, na água, no ar e nos seres vivos”.

Dirigindo-se “a cada pessoa que habita neste planeta”, o Papa quer “entrar em diálogo com todos acerca da nossa casa comum”. Põe a pergunta sobre o tipo de mundo que queremos deixar para as gerações futuras. Reporta-se aos seus predecessores, os quais já falam “da necessidade urgente de uma mudança radical no comportamento da humanidade” (Paulo VI, 1970), isto é, de mudanças profundas “nos estilos de vida, nos modelos de produção e de consumo, nas estruturas consolidadas de poder, que hoje regem as sociedades (João Paulo II, 1991)”.

É necessário ir às causas, chamando a atenção para “as raízes éticas e espirituais dos problemas ambientais”. Francisco de Assis, modelo de alegria e amor aos pobres, “um místico e um peregrino que vivia com simplicidade e harmonia com Deus, com os outros, com a natureza e consigo mesmo”, inspira a aproximar-se da natureza com admiração e encanto, com a linguagem da fraternidade, da beleza e do louvor ao criador.

O Papa deseja “unir toda a família humana na busca de um desenvolvimento sustentável e integral”. Conclama a uma “nova solidariedade universal”. Elenca os “eixos” que percorrem a encíclica: a relação íntima entre os pobres e a fragilidade do planeta, a convicção de que tudo está interligado no mundo, a crítica ao princípio tecnocrata de poder, a necessidade de nova compreensão da economia e do progresso, o sentido humano da ecologia, a responsabilidade política e a proposta de um novo estilo de vida.

Vale à pena aprofundar o sentido e o alcance dessa mensagem, em vista de um futuro pautado pela harmonia entre natureza humana e ambiental. Harmonia também entre estratégias organizacionais e princípios morais que devem reger a convivência entre os seres humanos. Assim começa a encíclica; pode começar também um novo compromisso envolvendo as pessoas de boa vontade.

Dom Pedro Luiz Stringhini

CLIQUE AQUI E LEIA DIOCESE DE MOGI DAS CRUZES




Aniversariantes do mês no CCI

Aconteceu na tarde de 3 de junho no Centro de Convivência do Idoso na Estância Turística de Salesópolis a comemoração dos aniversariantes do mês de junho.



Quatro anos de Sacerdócio de Padre Antônio Carlos

Missa festiva no Distrito Nossa Senhora dos Remédios

Na noite de sexta-feira, 3 de julho centenas de católicos se reuniram na Igreja de Nossa Senhora dos Remédios para participarem da missa festiva em comemoração aos quatro anos de Ordenação de Padre Antônio Carlos.

Entre as autoridades da Estância Turística de Salesópolis estiveram presentes o vereador Cristian Luiz Candelária, PV (Kiki) e o Diretor de Esporte Paulo César Monteiro.

Após a celebração todos foram convidados para participarem de uma confraternização no Salão Paroquial.

CLIQUE AQUI E LEIA DISTRITO NOSSA SENHORA DOS REMÉDIOS




Maioridade Penal é aprovada na Câmara

com voto favorável de Marcio Alvino

PEC da Maioridade foi aprovada em primeiro turno na Câmara dos Deputados;

deputado federal Marcio Alvino é favorável à proposta

Atendendo a um apelo da grande maioria da população brasileira, o deputado federal Marcio Alvino votou favoravelmente à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 171/1993, conhecida como PEC da Maioridade Penal, que tem como objetivo a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos.

A proposta foi aprovada com 323 votos a favor, contando com o voto de Marcio Alvino, e 155 contra, em votação em primeiro turno realizada em sessão da última quarta-feira (1/7) que se estendeu até a madrugada de quinta-feira (2/7). Os deputados precisam ainda analisar a matéria em segundo turno.

De acordo com o texto aprovado, a redução é válida para casos de crimes hediondos (estupro, sequestro, latrocínio, homicídio qualificado), bem como o homicídio doloso e lesão corporal seguida de morte. Além disso, a medida prevê que os jovens de 16 e 17 anos cumpram pena em estabelecimento separado dos destinados aos maiores de 18 anos e dos menores inimputáveis.

Para o deputado Marcio Alvino, a aprovação da PEC em primeiro turno na Câmara Federal já é uma grande vitória e uma resposta à indignação da sociedade brasileira. “Essa conquista é resultado do clamor da população que quer dar um basta na impunidade e na violência. Autores de crimes hediondos, crimes contra a vida, estupradores e latrocinistas não podem continuar impunes”, disse o deputado.

Pesquisa divulgada pelo Datafolha em abril de 2015 revelou 87% dos entrevistados são a favor da redução da maioridade penal de 18 para 16 anos.

“Minha missão como deputado federal é ouvir as vozes que vêm das ruas e representar os eleitores que me trouxeram até aqui. Esse tema já é debatido há mais de dez anos e agora avançamos mais um passo rumo à mudança pelo bem do nosso país”, finalizou Alvino.

CLIQUE E LEIA REGIÃO ALTO TIETÊ



Alunos da ETEC Salesópolis concluem curso de Logística

Alunos do Curso de Logística

Professora Edna, Coordenador do Curso Luiz Alexandre e o

Professor e Diretor da ETEC Ferraz de Vasconcelos Jonas Pereira de Souza

Prefeito Rafael e vereadores presentes ao evento

Os Alunos da ETEC (Escola Técnica Estadual) concluíram na noite de quinta-feira, 2 de julho o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) de Logística.

Estiveram presentes ao evento o Prefeito da Estância Turística de Salesópolis Benedito Rafael da Silva e os vereadores Claudinei José de Oliveira, Cristian Luiz Candelária, Benedito Lélis Renó, João da Silva, Sandra Regina de Assis, Francisco Marcelo de Morais Fonseca e Sérgio dos Santos.

O Diretor da ETEC Ferraz de Vasconcelos professor Jonas Pereira de Souza abriu os trabalhos ressaltando a importância do Curso para a Estância Turística de Salesópolis.

Também marcaram presenças no evento o Coordenador do Curso, Luiz Alexandre; professora Edna; Coordenador do Curso de Logística, Ricardo Domingues e David Lima, Professor de Gestão da Qualidade.

Entrevistas

O Coordenador do Curso de Logístico Ricardo Domingues (foto) disse a nossa reportagem que “Procuramos o máximo motivar os alunos a procurarem novos horizontes e assim novos empregos em outras cidades como Mogi das Cruzes e Suzano”.

“Hoje (2/07) é a conclusão do curso com a apresentação dos Trabalhos e a maioria está apta para fazer provas e entrevistas que com certeza serão aprovados e acima de tudo preparados para o mercado de trabalho”.

“O conteúdo que é passado aos alunos do Centro Paula Souza é o mesmo que a UBC (Universidade Braz Cubas) ministra em sua faculdade”.

“Espero que os alunos continuem buscando crescimento profissional e que todos procurem estudar e se aperfeiçoar cada vez mais, pois preparamos todos para o mercado de trabalho”.

O professor David Lima (foto), Professor de Gestão da Qualidade disse que “as tecnologias do Centro Paula Souza venha ressaltar as competência técnicas que são visadas no mercado, e acredito que os professores que aqui trabalham são docentes de alto nível, alto padrão de ensino acadêmico eles venham somar este desenvolvimento”.

“E com as apresentações finais dos trabalhos, deixamos jovens preparados com condições técnica de poder atuar e desenvolver boas ideias no mercado atual”.

“O curso tem tudo haver com a gestão de pessoas e transportes que é o específico da Logística, várias matérias e componentes para desenvolver habilidades técnicas e no último semestre realizam o trabalho de conclusão de curso que é chamado de TCC”.

“Que todos realmente busquem desenvolver a parte prática do que foi passado na sala de aula”, concluiu o professor David.

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS ENTREVISTAS


Campanha do agasalho na Estância Turística de Salesópolis

Foto: Entrega de cobertores ocorrido no Distrito Nossa Senhora dos Remédios em 24 de junho

A Presidenta do Fundo Social de Solidariedade da Estância Turística de Salesópolis, Paula Tenório procurou nossa reportagem para esclarecer a população sobre a fala do vereador Benedito Lélis Renó, PT, que durante a Sessão da Câmara, segunda-feira, 29, disse não existir nenhuma Campanha do Agasalho.

“Não me causou surpresa o pronunciamento maldoso e mentiroso como é de costume, feito em Sessão de Câmara pelo vereador Lélis, o qual sem saber ao certo o que acontece no Fundo Social, disse que não demos início a Campanha do Agasalho”.

“Essa mentira do Vereador Lélis, me dá a oportunidade de esclarecer que a Campanha do Agasalho/2015, iniciou-se no Distrito Nossa Senhora dos Remédios com distribuição de roupas e cobertores no dia 24 de junho, na sede da Subprefeitura”.

“E como esse dia encontrava-se frio e chuvoso, nós nos preocupamos em servir chá com sequilhos àqueles que se encontravam no local, o que foi um sucesso”.

“As fotos do evento encontram-se publicadas no Jornal do Povão e no facebook Hiago Salesópolis”.

“Agora, se o Vereador Lélis tão bem desinformado tiver alguém próximo que esteja necessitando de roupas e cobertor, é só encaminhar ao Fundo Social para fazer um cadastro e será muito bem atendido”.

“Saliento que não é somente na Campanha do Agasalho que oferecemos roupas aos mais necessitados e, sim durante o ano todo, pois sempre contamos com corações generosos que nos fazem doações”.

"Caso o vereador Lélis se interesse em fazer doações é só procurar o Fundo Social”.

“Já tínhamos agendado para sexta-feira, 3 de julho, realizar a entrega de cobertores e roupas às pessoas cadastradas na Sede do Município”.

“Informo ainda, a quem possa interessar que com a venda de doces e salgados, com a barraca da quinta de mês, rifas e com o brechó de roupas é que arrecadamos fundos para aquisição dos cobertores, entre outros gêneros que são doados as pessoas carentes de Salesópolis”.

“Fazemos doações aos mais necessitados com ajuda do Prefeito que nos dá essa condição durante o ano todo, não somente em campanhas ou em época de eleições, ou seja, o povo está aí para provar”.

“Para finalizar, sou voluntária do Fundo Social, não recebo salário para ali estar e, sim bênçãos para eu e para minha família”, concluiu Paula Tenório, Presidenta do Fundo Social de Solidariedade da Estância Turística de Salesópolis.


LEIA MAIS:

Lélis questiona campanha do agasalho na cidade

Marcelo do Quico fala sobre medicamentos

Edney pede fiscalização nas vagas de idosos e deficientes

Kiki solicita melhorias em Estrada Rural

Deise parabeniza operação tapa buraco

Paulo Banespa rebate críticas de vídeo amador

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS


 

CLIQUE E LEIA EMPRESAS & NEGÓCIOS  

topo